Portugueses querem combate ao desemprego prioridade máxima do Governo

Em sondagem exclusiva realizada pelo Fonebus para a Marktest.com Notícias, os portugueses referem que o combate ao desemprego deveria ser a prioridade máxima do Governo.

Grupo Marktest,  5 abril 2016

"Das seguintes opções que lhe vou referir, diga-me qual considera que, em sua opinião, deveria ser a prioridade máxima do Governo." Esta foi a questão colocada pela Marktest em sondagem realizada pelo Fonebus junto dos residentes no Continente com 18 e mais anos.

Os resultados mostram que os portugueses privilegiam o combate ao desemprego como a prioridade máxima do Governo, uma resposta dada por 24.5% dos entrevistados nesta sondagem.

Com percentagens acima deste valor médio, encontramos sobretudo os indivíduos mais jovens (dos 18 aos 24 anos) assim como os mais idosos (dos 55 aos 64 anos), que apresentaram uma taxa de 31.6% e 32.8%, respetivamente.

Melhorar o serviço nacional de saúde foi a segunda opção mais indicada, por 20.4% dos inquiridos. Este aspeto foi considerado a primeira prioridade pelos inquiridos dos 35 aos 44 anos (25.2% referiram-no como prioridade máxima) ou com mais de 64 anos (21.9%), pelos residentes na Grande Lisboa (19.4%) ou no Sul (28.3%), assim como pelos indivíduos da classe média (22.0%).

Combater a corrupção foi considerada a terceira prioridade máxima da governação, indicada por 13.2% dos entrevistados enquanto promover o desenvolvimento da economia foi referida por 11.3% dos inquiridos.

O equilíbrio das contas públicas foi indicado por 9.2% dos indivíduos, tendo as outras opções obtido valores mais baixos.

Esta sondagem foi realizada entre os dias 14 e 21 de Março de 2016, de acordo com a seguinte Ficha Técnica. Contacte-nos se pretende mais informações sobre este assunto.

Em Agenda

Festival of Marketing
Londres, Inglaterra, 4 e 5 de outubro de 2017,
Global Qualitative
Porto, 5 a 7 de novembro de 2017,

mais acontecimentos em Agenda