Marca NOS com mais exposição em programas Tv

De acordo com serviço Soft Sponsoring Report da MediaMonitor, a marca NOS obteve maior retorno financeiro na exposição em programas de Tv durante o primeiro trimestre de 2016. Duas marcas do sector automóvel completam o pódio: a Nissan e a BMW.

Grupo Marktest,  19 abril 2016

O Soft Sponsoring Report é um serviço da MediaMonitor que recolhe e analisa a exposição de marcas em programas nacionais de ficção e divertimento nos canais RTP1, RTP2, SIC, TVI, SIC Radical e SIC Mulher.

No primeiro trimestre de 2016, este serviço contabilizou um total 66 232 exposições de marcas em programas de televisão, correspondendo a mais de 125h de duração. Esta exposição referenciada no serviço Soft Sponsoring gerou um retorno financeiro de mais de 141 milhões de euros e cerca de 230 000 GRPs.

A TVI continua a ser o canal com maior exposição de marcas. No trimestre foram contabilizas 23 350 exposições de marcas, mais de 102 milhões de euros de retorno e 132 000 GRP's.

Seguiu-se a RTP1 com 23 milhões de retorno financeiro e mais de 59 245 GRP's. No entanto, as inserções registadas são inferiores às da SIC Radical.

A SIC Radical foi o canal do grupo Impresa com mais exposição de marcas em duração (41h 9m) e inserções (14 907), tendo sido a SIC o canal com maior retorno, com 14 milhões de euros aproximadamente e cerca de 37 000 GRP's.

No Top5 programas, continua a dominar o reality show da TVI, A Quinta: O Desafio, que gerou um retorno de mais de 61 milhões de euros para as marcas analisadas no primeiro trimestre. Seguiu-se o magazine Querido Mudei a Casa, também na TVI, no qual as marcas presentes conseguiram um retorno de 12 milhões euros.

A finalizar o top3, ficou o concurso O Preço Certo da RTP1 com um retorno para as marcas de cerca de 12 milhões euros.

Por marcas, a NOS teve a maior presença, com um retorno de mais de 57 milhões de euros, com forte presença no reality show A Quinta:O Desafio da TVI.

Destaque para o sector automóvel, no qual a Nissan, com a presença no Portugal em Festa da SIC, alcançou mais de 7,5 milhões de euros de retorno financeiro, e a BWM que fecha o top3 com um retorno de mais de 5 milhões de euros, divididos maioritariamente entre a TVI e RTP1.

Esta análise foi realizada para o período compreendido entre 1 de Janeiro e 31 de Março 2016 com base nos dados dos serviços Soft Sponsoring, um serviço da MediaMonitor que recolhe a exposição de marcas em programas nacionais de ficção e divertimento nos canais RTP1, RTP2, SIC, TVI, SIC Radical e SIC Mulher (mais de 1050 programas/mês = quase 70 000 minutos/mês).

Contacte-nos para mais informações sobre este assunto.

Em Agenda

Financial Services Research 2017
Londres, Inglaterra, 16 de novembro de 2017,
Big Data World 2017
Nova Iorque, EUA, 27 a 29 de novembro de 2017,

mais acontecimentos em Agenda