Menos portugueses com crédito ao consumo

Os resultados do estudo Basef Banca da Marktest mostram um recuo no recurso ao crédito ao consumo entre os portugueses.

Grupo Marktest,  14 junho 2017

Na vaga de Abril de 2017, o Basef Banca da Marktest contabiliza 1888 mil indivíduos que já recorreram ao crédito ao consumo, um valor que representa 22.0% do total de residentes no Continente com 15 e mais anos.

O número de portugueses que recorre ao crédito ao consumo registou uma tendência de decréscimo entre 2006 e 2011, que parece ter-se invertido a partir de 2012, quando 17.2% dos portugueses afirmou ter recorrido a este produto financeiro.

Esta tendência parece agora contrariada em 2017, com o valor mais baixo desde 2013.

O crédito ao consumo regista maior penetração junto dos bancarizados do sexo masculino, entre os indivíduos com idades entre os 35 e os 54 anos, os trabalhadores qualificados, os residentes no Litoral Centro ou os indivíduos da classe média.

Esta análise foi realizada com base nos resultados do estudo Basef Banca da Marktest, um estudo regular da Marktest, lançado em 1989 e que tem por objectivo apoiar o marketing dos Bancos, fornecendo informação sobre os comportamentos, atitudes e opiniões dos consumidores efectivos e potenciais dos serviços financeiros destinados aos particulares. Estuda o universo constituído pelos indivíduos com idade igual ou superior a 15 anos, residentes em Portugal Continental. Contacte-nos para mais informações sobre este assunto.

Arquivo de notícias

Em Agenda

25 janeiro 2018
Kids & Youth Insights - MRS - The Market Research Society 
Londres, Inglaterra, 25 de janeiro de 2018 ,
8 fevereiro 2018
Social Media Research Summit - MRS - The Market Research Society 
Londres, Inglaterra, 8 de fevereiro de 2018 ,

mais acontecimentos em Agenda