Incêndios motivaram mais de um quinto da informação televisiva

Nos últimos três meses, o país foi assolado por grandes incêndios florestais que vitimaram dezenas de vidas e motivaram mais de um quinto da duração noticiosa das televisões.

Grupo Marktest,  19 setembro 2017

Entre 15 de Junho e 15 de Setembro de 2017, a vaga de incêndios no nosso país foi um dos temas mais marcantes dos noticiários dos canais de Tv nacionais (CMTV, RTP1, RTP2, RTP3, SIC, SIC Notícias, TVI e TVI 24).

Nesse período, um total de 5349 matérias de mais de 241 horas de duração tiveram como tema central a vaga de incêndios que assolou o país. A análise considera os principais serviços noticiosos dos canais referidos (ver em baixo lista de programas analisados).

Estas notícias representaram 16.6% do total emitido por estes canais no período em análise, tendo sido mais relevantes na TVI 24 (18.3%), na CMTV (18.8%) e na SIC Notícias (18.9%). Na RTP3 tiveram um menor peso, representando 12.9% das matérias.

Em duração, as notícias sobre a vaga de incêndios representaram 22.1% da oferta noticiosa regular, tendo sido sobretudo relevantes na CMTV, onde representaram 30.2% do tempo informativo regular da estação. Na TVI 24 representaram 25.3% do tempo e na SIC Notícias 23.1%. Na RTP2 estas matérias não excederam 15.5% do tempo informativo regular do canal.

Esta análise considera os serviços regulares de informação dos canais em análise no período compreendido entre 15 de Junho e 15 de Setembro de 2017. Em análise, estão os noticiários dos canais de Tv nacionais (CMTV, RTP1, RTP2, RTP3, SIC, SIC Notícias, TVI e TVI 24).

Contacte-nos para mais informações sobre este assunto.

Em Agenda

Global Qualitative
Porto, 5 a 7 de novembro de 2017,
Le Salon du Marketing Point De Vente
Null
Paris, França, 27 a 29 de março de 2018,

mais acontecimentos em Agenda