Marktest Reputation Index

 

A maneira de se conseguir boa reputação
reside no esforço em se ser aquilo
que se deseja parecer

Sócrates 469-399 a.C.

 

Qual a minha reputação

Qual a minha posição em relação aos meus concorrentes directos

Qual a minha posição em relação a outras empresas/marcas

As marcas pulverizam o quotidiano do consumidor, que as escolhe ou rejeita em função de inúmeros estímulos a que está sujeito.
Actualmente sabemos que as escolhas que o consumidor faz, até mesmo as decisões que toma, vão para além de simples processos cognitivos.
A componente emocional assume cada vez mais uma posição de destaque nestas opções e escolhas, e apercebemo-nos que o consumidor compra ou escolhe as marcas em que confia, e recomenda as marcas de que gosta.

Gostar, admirar, respeitar, confiar, são sentimentos e atitudes expressas em relação às marcas e reflectem eles próprios os níveis de reputação das marcas.

Sabemos e não constitui novidade que todas as organizações/marcas assentam, maior ou menor parte do seu valor, na sua reputação. Se por um lado a sustentabilidade dos negócios mede-se cada vez mais pela opinião e confiança que os consumidores têm das organizações, das marcas, por outro, à medida que os produtos e serviços se tornam cada vez mais indiferenciados, a reputação, a imagem e a confiança nas marcas, tornam-se num factor competitivo e diferenciador no mercado.

A Marktest à semelhança do que realiza noutras áreas de informação, teve como objectivo principal, disponibilizar mais uma ferramenta de benchmark que ajude os marketeers a posicionarem e melhor definirem as suas estratégias, a partir de resultados que pretendem materializar e oferecer novas métricas de activos intangíveis, como é o caso da reputação.

O MRI tem como objectivo posicionar as marcas num ranking, o que permite a comparação e posicionamento da marca face às restantes marcas concorrentes ou de outros sectores de actividade.

Para além de medir a opinião da sociedade portuguesa em relação à reputação das marcas, o MRI permite a comparação da reputação da marca face aos utilizadores versus não utilizadores da marca bem como analisar ao nível do género, idade, classe social e região o perfil dos Inquiridos onde a marca tem maior ou menor reputação.
Por fim, a marca tem ainda acesso aos níveis de satisfação e recomendação dos seus utilizadores/consumidores face à média do sector em que se inserem.