Segunda vaga do AMPS Angola já disponível
Segunda vaga do AMPS Angola já disponível
placeholder
Já estão disponíveis os resultados da segunda vaga do estudo AMPS - All Media and Products Study, da Marktest Angola. Confira alguns números.
Grupo Marktest
26 outubro 2021
placeholder

De acordo com os dados da segunda vaga de 2021 do estudo AMPS (All Media and Products Study), produzido pela Marktest Angola, nos meses de agosto e setembro, o consumo de televisão, diário (reach %) foi idêntico à vaga de maio de 2021: cerca de 59% refere ter visto televisão na véspera. No que respeita a este Meio, e tal como em maio de 2021, a Zap Novelas e a Zimbo são os canais com maior audiência.

Em termos de programas preferidos o Fala Angola (Zimbo), A Tarde é Nossa (Zimbo) e o Telejornal (TPA1) foram os mais mencionados.

Para os que assistem a novelas (cerca de 43% dos Luandenses), Terra Amarga, da Zap Novelas, é a preferida.

Quanto ao apresentador preferido, Salú Gonçalves, Ernesto Bartolomeu e Igor Benza foram os mais mencionados.

A nível de Imprensa, a liderança foi para o Jornal de Angola, com uma audiência de leitura de véspera de 1,5%, ligeiramente abaixo da vaga de maio, sendo esta uma situação idêntica para toda a imprensa, onde se acentua a redução de audiência neste meio.

O meio Rádio registou uma audiência de véspera de 20% (ligeiramente superior a maio). As estações mais ouvidas são a Rádio Luanda e Radio 5. Já os locutores preferidos são Jojó, Paulo Miranda e Jorge Gomes.

Relativamente ao Cinema, a nível de comportamentos e comparativamente ao período homólogo, a deslocação ao cinema nos últimos 12 meses continua com valores baixos, se comparados com valores antes da pandemia. Apenas cerca de 9% dos Luandenses refere ter-se deslocado ao cinema nos últimos 12 meses.

Quanto à Internet, cerca de 44% refere que acede diariamente à internet. Destes, as plataformas mais visitadas são o Facebook, o WhatsApp e o YouTube. As plataformas de notícias são ainda bastantes reduzidas a nível de audiência.

O operador de TV paga com maior quota de mercado continua a ser a Zap, secundada pela DStv. Regista-se um acréscimo de assinantes de TV comunitária.

Ficha técnica:
Objetivo - Consumo de Media (Imprensa, Rádio, Televisão), Cinema e Internet.
Universo - O universo do estudo foi constituído por indivíduos de ambos os sexos, com mais de 15 anos, residentes na Província de Luanda.
Processo de Amostragem- A amostragem foi estratificada por município. Dentro de cada município a amostra será equitativa por dia da semana. Seleção do elemento amostral – em cada unidade amostral (residência), foi selecionado apenas um indivíduo. Para a escolha do individuo, recorremos a uma amostra por quotas de sexo e idade representativas do universo (de acordo com a Projeção da População da Província de Luanda feita pelo INE).
Amostra- A amostra prevista era de 2500 entrevistas e realizaram-se 2611 entrevistas.
Metodologia e Técnica- A metodologia usada foi “Day After Recall”, sendo a recolha efetuada diariamente. Utilizamos uma metodologia quantitativa, efetuada através de uma entrevista de uma entrevista telefónica e suportada por um questionário estruturado em CAPI, com uma duração média de 40 minutos (vaga 2).
Período de recolha- entre 25 de agosto e 16 de setembro de 2021.
Controlo de qualidade - O controlo de qualidade da informação recolhida efetuou-se em 4 fases distintas: 1. Acompanhamento; 2. Validação de consistência de respostas; 3. Monitorização do local das entrevistas (GPS); 4. Supervisão.

Se pretender mais informações acerca do estudo APMS da Marktest Angola, contacte-nos.

Arquivo de notícias

Clipping

ver mais
Em Agenda ver mais