Um milhão e meio de amantes de teatro
O dia 27 de Março assinala o Dia Mundial do Teatro, um motivo para conhecer melhor os 1,5 milhões de residentes no Continente com 15 e mais anos que afirmam costumar ir ao teatro. São dados do estudo Consumidor 2006 da Marktest.
Grupo Marktest,  25 março 2008

placeholder O Consumidor contabiliza, em 2006, 1 500 mil residentes no Continente com 15 e mais anos que dizem costumar ir ao teatro, um número que corresponde a 18.0% do universo em estudo.

A classe social é a variável que apresenta maiores diferenças entre os indivíduos no que toca ao seu hábito em ir ao teatro nos tempos livres ou momentos de lazer, ao passo que a idade é a variável com menores discrepâncias.

As mulheres mostram-se mais adeptas do teatro do que os homens: 20.5% delas diz costumar ir ao teatro, face aos 15.3% de homens que também tem o mesmo hábito.

Entre as idades, como dissemos, não se revelam diferenças de comportamento muito significativas, com os valores a oscilar entre os 21.0% junto dos jovens dos 15 aos 17 anos e os 15.6% dos jovens dos 18 aos 24 anos ou dos idosos com mais de 64 anos.

Entre as regiões são visíveis diferenças muito significativas, com os residentes na Grande Lisboa a destacar-se dos demais, pois 29.0% dos seus residentes afirmam ir ao teatro nos tempos livres ou momentos de lazer.

Entre as ocupações são ainda mais evidentes os comportamentos diferenciadores, com 33.2% dos quadros médios e superiores a afirmar ter este hábito - um valor muito acima da média.

Por classe social, são os inquiridos das classes alta e média alta os que apresentam maior consumo desta actividade cultural, com 30.7% a afirmar ir ao teatro nos tempos livres.

placeholder

Esta análise foi realizada com base nos resultados do estudo Consumidor da Marktest. Contacte-nos para mais informações sobre este assunto.

Arquivo de notícias

Clipping

ver mais
Em Agenda ver mais