Referendo britânico reflete-se nos social media

Referendo britânico reflete-se nos social media

placeholder

Os britânicos, em referendo, optaram por sair da EU e os ecos fizeram sentir-se nos social media como o mostram os dados do serviço Social Media Explorer do Grupo Marktest.

Grupo Marktest
28 junho 2016

Os britânicos foram a votos no dia 23 de Junho de 2016 para referendar a sua permanência na União Europeia. Ganhou a "saída", o Brexit.

Segundo os dados do serviço Social Media Explorer, entre 23 e 26 de Junho, o Brexit representou cerca de 4% do total de menções encontradas em sites como Facebook, Twitter, Google+, Instagram, Blogs, Fóruns, Youtube e Notícias RSS. Isto significa que uma em cada 25 menções observadas nos social media no período em análise era relativa ao Brexit.

Esta relevância foi maior no dia 24, dia em que foram conhecidos os resultados do referendo, quando o tema representou cerca de 7% do buzz social total.

Mais de um terço destas referências teve origem em sites noticiosos (34%). O Twitter foi responsável por 32% das menções à saída do Reino Unido da UE, o Facebook por 16% e 8% foi encontrada em outros sites.

Os dados referidos nesta análise foram recolhidos às 10:00 do dia 14 de Junho de 2016. Este Ranking tem como base o número de likes nos posts (o melhor de cada marca), tendo sido considerados todos os posts colocados pelas marcas nas suas páginas de Facebook no período referido, e que tenham uma referência directa ou indirecta à marca. Não inclui as marcas da área da media (televisões, jornais, rádios, etc...), organizações desportivas e eventos (festivais e afins).

O Marktest Social Media Explorer é um serviço para monitorizar os conteúdos que circulam nas redes sociais relacionados com marcas ou personalidades. Contacte-nos se pretende mais informações sobre este serviço.

Arquivo de notícias

Clipping

ver mais

Em Agenda ver mais