Mais casamentos e menos divórcios

Mais casamentos e menos divórcios

placeholder

Segundo os dados do INE, disponíveis no sistema de geomarketing Sales Index da Marktest, o número casamentos tem vindo a aumentar. Já os divórcios, mostram uma tendência decrescente.

Grupo Marktest
12 fevereiro 2019

De acordo com os dados do INE, disponíveis no sistema de geomarketing Sales Index, em 2017 foram contabilizados 33 634 casamentos.

Este valor está 27.4% abaixo do verificado em 2007, quando o número de casamentos ascendeu a 46 329. Neste período (2007-2017), observa-se uma quebra contínua no número de casamentos até 2014 (onde se regista o valor mínimo de 31 478). A partir de 2014, o número de casamentos inicia uma tendência crescente, chegando a 2017 com o maior valor desde 2012.

Já o número de divórcios, após um período de crescimento entre 2007 e 2010 (ano em que registou o valor máximo de 27 556), seguiu uma tendência descendente (apenas quebrado pelo aumento em 2015), chegando a 2017 com 21 577 divórcios – o valor mais baixo da década em análise.

Considerando este dados em termos de taxas, vemos que a taxa bruta de nupcialidade (casamentos por mil habitantes) passou de 4.4‰ em 2007 para 3.3‰ em 2017.

Em termos concelhios, o concelho do São Brás de Alportel foi o que apresentou a maior taxa de nupcialidade em 2017, com 18.2‰. Pelo contrário, em Marvão registou-se a menor taxa, de 0.3 ‰.

Considerando a taxa de divórcio, esta passou de 2.4‰ em 2007 para 2.1‰ em 2017.

Em 2017, a maior taxa de divórcios foi observada no concelho de Lajes das Flores, com 4.7 divórcios por mil habitantes, ao contrário do concelho de Alcoutim, onde a taxa de divórcio foi nula.

Os dados estão disponíveis no sistema de geomarketing Sales Index, que a Marktest desenvolve desde 1992. Consulte aqui mais informação sobre esta aplicação ou contacte-nos se pretender uma demonstração ou mais informações.

Arquivo de notícias

Clipping

ver mais

Em Agenda ver mais