5 de junho: Dia Mundial do Ambiente - Barrancos com mais despesas per capita
5 de junho: Dia Mundial do Ambiente - Barrancos com mais despesas per capita
placeholder
De acordo com os dados do INE, o município de Barrancos foi o que apresentou maior despesa em proteção do ambiente per capita. Uma análise para assinalar o Dia Mundial do Ambiente, que se comemora no dia 5 de junho.
Grupo Marktest
4 junho 2024

Os dados do INE disponíveis no sistema de geomarketing Sales Index da Marktest e na sua aplicação web Municípios Online, , revelam que, em 2022 as despesas municipais com a proteção do ambiente foram de cerca de 773 milhões de euros, o valor mais elevado dos últimos 20 anos.

Em 2022, esta despesa foi repartida entre a gestão de resíduos (74.4%), a proteção da biodiversidade e da paisagem (21.9%) e gastos noutros domínios (3.7%).

O concelho de Lisboa foi o que apresentou em 2022 o maior volume de despesa municipal com a proteção do ambiente, com um gasto de cerca de 55 milhões de euros. Seguiram-se os concelhos de Cascais e Sintra, com cerca de 34 milhões de euros e 22 milhões de euros, respetivamente. Almada, Funchal e Loures são os restantes concelhos com maior despesa municipal com a proteção do ambiente. Um quinto do total da despesa está concentrado nestes seis concelhos.

Considerando o peso da população nas despesas municipais com a proteção do ambiente, verifica-se que o município de Barrancos apresentou o valor mais elevado per capita (362 euros), seguido de Monchique (324 euros) e Porto Moniz (316 euros).

Esta análise foi realizada com base nos dados do INE, disponíveis no sistema de geomarketing Sales Index da Marktest e na sua aplicação web Municípios Online. Contacte-nos para mais informações sobre este assunto.

Arquivo de notícias

Em Agenda ver mais