Como Nunca os Viu

A MediaMonitor faz o balanço das audiências de Como Nunca os Viu, o programa onde a SIC mostrou o lado mais pessoal dos políticos nacionais.

MediaMonitor,  15 setembro 2009
O lado mais discreto e mais pessoal fora da azáfama política, saber quem são os amigos, a família e quais os gostos dos políticos foi o trabalho desenvolvido pela jornalista Raquel Alexandra que agora é apresentado por Miguel Ribeiro no programa Como Nunca os Viu, transmitido na SIC antes do Jornal da Noite.

As cinco emissões dedicadas aos líderes dos partidos registaram 2.8% de audiência média e 12.2% de share. Embora a entrevista a Manuela Ferreira Leite não se tenha realizado, a SIC em sua substituição, no dia 11 de Setembro, sexta-feira, apresentou os melhores momentos com os outros candidatos.

A entrevista a Francisco Louçã transmitida a 13 de Setembro, quarta-feira, alcançou o melhor resultado com 3.5% de audiência média e 14.6% de share. Por outro lado, o programa dedicado a Jerónimo de Sousa registou o pior resultado, com 2.3% de audiência média e 10.3% de share. A entrevista a José Sócrates alcançou 2.5% de audiência média e 10.9% de share.

No perfil de audiência, o programa Como Nunca os Viu registou a melhor adesão no Interior do país e também junto da população residente na Grande Lisboa. Por classe social, o melhor consumo de audiência pertenceu à Classe D com um registo acima dos 38%. Em relação ao género, a melhor adesão pertenceu à população Feminina. Na faixa etária, este magazine registou o melhor perfil de audiência junto dos indivíduos com mais de 64 anos, que foi responsável por cerca de 30% da audiência do programa.

Análise realizada pela MediaMonitor com base em dados retirados do MMW/Telereport.

Arquivo de notícias

Em Agenda ver mais