Tribunal Constitucional, OE e cortes de pensões foram temas dos noticiários de Tv em 2013

Tribunal Constitucional, OE e cortes de pensões foram temas dos noticiários de Tv em 2013

placeholder

Uma análise dos dados do serviço Telenews da MediaMonitor mostra que as notícias envolvendo o Tribunal Constitucional, os Orçamentos de Estado e os cortes nas pensões foram as mais presentes nos noticiários de Tv.

Grupo Marktest
28 janeiro 2014

De acordo como os dados do serviço Telenews da MediaMonitor, ao longo de 2013, os serviços regulares de informação da RTP, SIC e TVI (inclui canais por subscrição) privilegiaram, relativamente à grelha temática, os temas nacionais, que motivaram mais de 72 mil notícias de cerca de 3000 horas de duração. Estes valores correspondem a 70% das matérias abordadas nos programas informativos e 83% da sua duração.

Os meses de Março e Dezembro foram aqueles onde as matérias internacionais tiveram uma maior relevância, tendo representado 34% da duração dos "jornais" televisivos.

Tendo em conta os assuntos mais abordados por estes noticiários, os que envolveram os Orçamentos de Estado, o Tribunal Constitucional e os cortes de pensões foram os mais relevantes ao longo do ano, tendo ocupado mais de 182 horas, o equivalente a 5% do tempo informativo total.

Notícias sobre greves, manifestações e protestos foram também muito abordados nas notícias, com mais de 168 horas ao longo do ano, 4.7% do tempo total.

A troika, o FMI e as notícias do programa de ajustamento motivaram mais de 144 horas de informação ao longo do ano (4% do total).

Num ano particularmente agreste em termos de incêndios florestais, as notícias sobre bombeiros, incêndios e outros desastres naturais ocuparam mais de 93 horas em grelha (2.6% do total), enquanto os acidentes e atentados estiveram em ecrã por mais de 63 horas (1.8% do total).

Finalmente, um outro assunto mediático de 2013 envolveu o Papa, com a renúncia de Bento XVI e a eleição de Francisco, um assunto que motivou mais de 65 horas de informação (1.8% do total).

Ao longo dos meses, a relevância destes assuntos foi, no entanto, diferente, tal como se observa no gráfico em baixo. Salienta-se, por exemplo, o peso das notícias sobre Tribunal Constitucional, OE e pensões, que em Outubro representaram 12.5% do tempo informativo mensal, as notícias sobre incêndios, bombeiros e outros desastres naturais, que em Agosto representaram 12% do tempo informativo, ou as notícias sobre greves, manifestações e protestos, que em Junho ocuparam perto de 11% do tempo informativo.

Esta análise considera apenas os serviços regulares de informação dos canais em análise no período compreendido entre 1 de Janeiro e 31 de Dezembro de 2013, segundo a seguinte Nota Metodológica. Em análise, estão os seguintes programas: RTP1 - Jornal da Tarde, Portugal em Direto e Telejornal ; SIC - Primeiro Jornal e Jornal da Noite; TVI - Jornal da Uma e Jornal Nacional; RTP2 - 24: Sumário; SIC Notícias - Jornal das 9; RTP Informação - Jornal 24 Horas (Simultâneo com RTP2; TVI24 - Notícias 24 (21 Horas). Contacte-nos para mais informações sobre este assunto.

Arquivo de notícias

Em Agenda ver mais