Independentes jovens mais próximos de fast food
Independentes jovens mais próximos de fast food
placeholder
Os dados do estudo TGI disponíveis na análise Ciclo de Vida dos Consumidores Portugueses mostram como os Independentes Jovens são o estádio no ciclo de vida que regista maior afinidade com restaurantes de fast food.
Grupo Marktest
18 setembro 2012

placeholder De acordo com os dados do TGI para 2011, mais de metade (51%) dos residentes no Continente com 15 e mais anos têm o hábito de comer fast food em restaurante (referência: últimos 12 meses).

Segundo a classificação por Ciclo de Vida, de que a Marktest Consulting apresentou recentemente os dados mais actualizados, vemos que os consumidores que têm maior afinidade com este hábito são os Independentes Jovens: 79.0% dos indivíduos neste estádio comeu refeições nestes restaurantes.

Os Independentes Jovens são, genericamente, jovens não casados sem filhos, com idades entre os 15 aos 34 anos, maioritariamente do sexo masculino. São economicamente activos e desempenham ocupações de trabalhadores qualificados ou quadros médios e superiores. Residem sobretudo nas regiões Grande Lisboa e Interior Norte em lares que pertencem maioritariamente à classe média baixa ou média.

Os Solteiros Dependentes são o outro estádio com maior afinidade com restaurantes de fast food: 75.5% frequentou-os nos últimos 12 meses.

No extremo oposto, encontramos os Ninhos Vazios, com 18.9% deles a referir ter este hábito.

O gráfico seguinte posiciona os vários estádios no ciclo de vida em função de duas variáveis: o hábito de comer refeições em restaurantes de fast food, no eixo horizontal, e a idade (percentagem de indivíduos com mais de 34 anos), na vertical. A dimensão do círculo corresponde ao peso de cada estádio no total da população.

placeholder

A tipologia criada pela Marktest Consulting foi realizada com base nas amostras dos estudos da Marktest, Bareme Imprensa, Bareme Rádio, Bareme Internet e TGI, relativas ao ano completo de 2011. Depois de várias análises da informação de base, foram criados 10 grupos de indivíduos, que constituem assim os 10 estádios do ciclo de vida do Consumidor português. Esta análise é disponibilizada num relatório, que apresenta para cada um destes estádios no ciclo de vida os indicadores mais relavantes de estilos de vida, hábitos de consumo e de audiência de meios (imprensa, rádio e internet).

Pode encontrar mais informação sobre este estudo aqui, nomeadamente o seu Folheto de apresentação. Contacte-nos se pretende mais informações sobre este assunto.

Arquivo de notícias

Clipping

ver mais
Em Agenda ver mais