Cerca de 3 milhões com conta ordenado
Cerca de 3 milhões com conta ordenado
placeholder
O estudo Basef Banca da Marktest contabiliza 2,9 milhões de portugueses com posse de conta ordenado.
Grupo Marktest
4 agosto 2015

O estudo Basef Banca da Marktest contabiliza, no primeiro semestre de 2015, 2 908 mil possuidores de conta ordenado, um valor que corresponde a 39.1% do universo composto pelos residentes no Continente com 15 e mais anos que possuem conta bancária.

Nos últimos 12 anos, o número dos bancarizados que possuem conta ordenado tem vindo a aumentar. No primeiro semestre de 2015 esse valor é 64% mais elevado, comparativamente a 2003.

placeholder

Na análise da penetração desta conta pelos vários targets, vemos que a idade é a variável que mais influencia a posse de conta ordenado, sendo a que apresenta um comportamento mais heterogéneo.

Junto dos indivíduos entre os 35 e os 44 anos, a posse deste tipo de produto é elevada (57.4%), sobretudo quando comparada com a posse dos indivíduos com mais de 64 anos, que não vai além de 15.2%.

Por género, também se verificam diferenças, sendo a percentagem de posse de conta ordenado maior entre os homens (42.4% face os 35.9% das mulheres).

Analisando os dados por região, observa-se que o Interior Norte e o Sul apresentam valores abaixo da média (33.3% e 36.3%, respetivamente). A região do Litoral Norte apresenta a taxa mais elevada: 42.5%.

A probabilidade de encontrar possuidores de conta ordenado é maior entre os indivíduos das classes alta e média alta (53.8%). A percentagem de posse deste produto baixa para 44.1% junto dos indivíduos da classe média, chegando a 31.6% nos indivíduos das classes Baixa/Média Baixa.

Esta análise foi realizada com base nos resultados do estudo Basef Banca da Marktest. Contacte-nos para mais informações sobre este assunto.

Arquivo de notícias

Clipping

ver mais
Em Agenda ver mais