Uma em cada sete é uma família monoparental

Uma em cada sete é uma família monoparental

placeholder

Os dados do último Censo do INE mostram que, em cada 7 famílias, uma é monoparental, ou seja, constituída por um pai ou uma mãe e o(s) respetivo(s) filho(s).

Grupo Marktest
10 maio 2016

A ONU assinala dia 15 de Maio como o Dia Internacional da Família. Traçamos um perfil das famílias portuguesas, com recurso aos dados do INE disponíveis no sistema de geomarketing Sales Index da Marktest e na sua aplicação web Municípios Online.

Segundo o INE, no Recenseamento de 2011, residem em Portugal 4 043 726 famílias. Este número é significativamente superior ao observado 30 anos antes, em 1981, quando se contabilizavam no país 2 924 443 famílias, menos 44% do que as agora recenseadas.

Os valores dos últimos recenseamentos evidenciam também que, ao mesmo tempo em que o número de famílias aumentou no nosso país, também diminuiu a sua dimensão média. Em 1981 cada família era constituída, em média, por 3,4 pessoas e em 2011 por 2,6.

Esta alteração naturalmente relaciona-se com as modificações no tipo de família a que vimos assistindo nos últimos anos. Atualmente, uma em cada sete famílias é monoparental, composta por um pai ou mãe sozinho e o(s) seu(s) filho(s).

Entre as famílias clássicas, 74% têm um núcleo, 23% são compostas por pessoas sozinhas ou pessoas aparentadas/não aparentadas e 3% são compostas por mais do que um núcleo familiar.

Os dados dos Censos mostram ainda que 51% das famílias mononucleares (com um núcleo apenas) são constituídas por casais com filhos, 35% por casais sem filhos e 14% são famílias monoparentais. Entre estas famílias monoparentais, 87% são compostas por mães e o(s) seu(s) filho(s).

Entre os concelhos do país onde estas famílias têm um maior peso, encontramos Porto Moniz, onde 21.2% das famílias mononucleares são famílias monoparentais, assim como Porto (20.5%), Lisboa (20.0%), Funchal (19.7%) e Amadora (19.4%).

Em concelhos como Freixo Espada à Cinta, Vila Velha de Ródão, Pampilhosa da Serra, Sousel ou Aguiar da Beira, pelo contrário, o peso destas famílias é o mais baixo do país, não chegando a representar 8.8% do total de famílias com um núcleo.

Esta análise foi realizada com base em informação do INE, disponível no sistema de geomarketing Sales Index da Marktest e na sua aplicação web Municípios Online. Contacte-nos para mais informações sobre este assunto.

Arquivo de notícias

Clipping

ver mais

Em Agenda ver mais