MediaMonitor TV Tops

MediaMonitor,  27 setembro 2005
Ninguém como Tu continua a liderar o Top 10 programas na semana de 12 a 18 de Setembro com 21.5% de audiência média e 49.1% de share. Na segunda posição surge o jogo de futebol a contar para Liga dos Campeões entre o Glasgow Rangers e Fc Porto, este jogo foi transmitido pela RTP1. Da terceira à sexta posição o top programas é ocupado por programas da TVI. O Prédio do Vasco mais um encontro da Liga Portuguesa entre o Benfica e o Leira e o Jornal Nacional. Esta semana o Top 10 programas não conta com programas da SIC. A TVI ocupa oito posições no Top e a RTP detém as restantes. A estreia da 1ª Companhia entrou directamente para décimo posto com 13% de audiência média e 42.7% de share.

Nesta semana a Repsol salta para o 1º lugar da tabela de marcas, seguindo-se o BES que subiu uma posição. O 3º lugar é ocupado pela Vodafone e o 4º pela Peugeot que tal como a Cofidis mantêm as suas posições.

No Top anunciantes o primeiro lugar continua a ser ocupado pela Lactogal, seguindo-se a Procter & Gamble e a entrada da Repsol YPF e do Grupo Banco Espírito Santo. A Vodafone Telecel desce para o 5º lugar do ranking.

Euro RSCG MRT e McCann Erickson mantêm-se nas 1ª e 2ªs posições, seguidas por 3 novas entradas na tabela, são elas a Young & Rubicam, a Publicis e a TBWA/EPG, respectivamente.

A semana de 12 a 18 de Setembro ficou marcada pela abertura do ano lectivo para 1.500.000 alunos. Os Militares também se manifestaram contra a perda de direitos na reforma e assistencia médica. E o PS vai avançar com projecto para o referendo ao aborto.

Na 1ª posição surge o Primeiro-ministro José Sócrates. O destaque vai a abertura do ano escolar, e para o compromisso do Primeiro-ministro de que não haverá um "carrossel" de inaugurações envolvendo os ministros do governo para dignificar a campanha autárquica.

Na 2ª posição temos Marques Mendes, líder do PSD. O âmbito das suas intervenções vai para a campanha autarquica do PSD e para a critica às mais recentes iniciativas do governo, nomeadamente a nomeação de um socialista para o tribunal de contas e a iniciativa acerca do aborto.

Na 3ª posição ficou a Ministra da Educação, Maria de Lurdes Rodrigues. Devido à abertura do ano escolar e os seus problemas e manifesta preocupação com taxa de insucesso escolar à luz de um relatório da OCDE que afirma que taxa de escolaridade em portugal é baixa.

Os outros grandes temas da semana foram:

Guilherme D'Oliveira Martins, antigo ministro do PS nomeado para presidir ao tribunal de contas.
A aprendizagem do Inglês vai ser introduzida nos 3º e 4º anos do 1º ciclo e brevemente alargado a todos os anos deste ciclo.
Começa a pré-campanha das presidenciais, as sondagens apontam um confronto entre Mário Soares e Cavaco Silva, com a vantagem a pertencer de momento a Cavaco Silva.
Crispação, acusações e ataques verbais marcam a campanha autárquica de Lisboa, com o confronto entre Carmona e Carrilho no debate na SIC Notícias.
Começa o julgamento do caso Joana. Enquanto o Caso Casa Pia volta ao tribunal depois das férias judiciáis.
Os bilhetes para os comboios Alfa e Intercidades já podem ser comprados pela Internet através de um novo serviço de venda on-line.
A santa casa da misericórdia e a associação portuguesa dos casinos entregaram no tribunal cível do Porto uma providência cautelar para travar o negócio da Betandwin.com como patrocinador da Liga Portuguesa de Futebol.
No desporto, A TV cabo lançou um novo canal: a SportTV 2.
A semana desportiva foi vitoriosa para o Benfica com vitórias na Liga dos Campeões e no campeonato. O FC Porto perde na Escócia com Glasgow Rangers enquanto o saldo das restantes participações portuguesas se traduz em 2 vitórias e 2 empates.

Notícias da mesma semana

Arquivo de notícias

Em Agenda ver mais