Mulheres mais preocupadas com tratamento da pele
Os resultados do estudo Consumidor da Marktest indicam que tem aumentado nos últimos anos o número de mulheres que consomem produtos de tratamento da pele.
Grupo Marktest, 15 janeiro 2008

placeholder No Continente, o Consumidor contabiliza, em 2006, 1 344 mil mulheres que consomem produtos de tratamento da pele, o que representa 30.9% do universo constituído pelas mulheres residentes no Continente com 15 e mais anos.

Uma análise evolutiva mostra como o consumo destes produtos tem aumentado nos últimos cinco anos, passando de 16.8% em 2002 para os 30.9% observados em 2006, tendo assim revelado uma variação positiva de 83.9% entre estes dois momentos.

placeholder

Analisando a penetração do produto segundo o perfil sociodemográfico das consumidoras destes produtos de tratamento, vemos como a classe social e a ocupação são as variáveis mais discriminantes, pois são as que revelam consumos mais diferenciados.

As mulheres com ocupações de técnicas especializadas ou pequenas proprietárias destacam-se, ao observar uma taxa de consumo de 54.0%, um valor próximo do observado junto das que desempenham funções como quadros médios e superiores (52.7%). No extremo oposto, as reformadas e pensionistas são as que menos consomem produtos de tratamento da pele (15.8%).

Entre as classes sociais, estas diferenças de comportamento são ainda mais evidentes, com a penetração destes produtos a baixar sistematicamente dos 51.6% observados junto das mulheres das classes sociais alta e média alta até aos 19.8% da classe baixa.

Entre os vários grupos etários, vemos que a maior penetração se encontra junto das mulheres entre os 25 e 34 anos (42.0%) e no escalão etário seguinte, dos 35 aos 44 anos (40.9%).

Por região são encontradas diferenças menos significativas, sendo no Grande Porto que se observam maiores taxas de consumo de produtos de tratamento da pele, 39.3%. Na Grande Lisboa (36.8%) e no Litoral Centro (32.8%) também se assiste a uma penetração do produto superior à média.

placeholder

Esta análise foi realizada com base nos resultados do estudo Consumidor da Marktest. Contacte-nos para mais informações sobre este assunto.

Arquivo de notícias

Em Agenda ver mais