4,7 milhões de utilizadores de creme de mãos

Os dados do estudo Consumidor da Marktest contabilizam cerca de 4,7 milhões de utilizadores de creme para as mãos.

Grupo Marktest,  26 fevereiro 2008

Em 2006, o Consumidor contabilizou 4 698 portugueses que dizem consumir creme para as mãos, um número que representa 56.5% do universo composto pelas residentes no Continente com 15 e mais anos.

Nos últimos anos assistiu-se a uma tendência de relativa estabilidade deste indicador, que cresceu entre 2004 e 2005 e se manteve estável em 2006.

A análise do consumo de creme de mãos mostra-nos diferenças de comportamento entre os vários targets. A mais significativa é a relacionada com o género. Enquanto 72.1% das mulheres usa creme de mãos, apenas 39.5% dos homens também diz fazê-lo.

A idade é a segunda variável com maiores diferenciações entre os indivíduos, com os valores a oscilar entre os 64.9% de utilizadores na faixa etária dos 18 aos 34 anos e os 42.3% entre os idosos com mais de 64 anos.

A ocupação também apresenta consumos diferenciados, destacando-se as domésticas como mais adeptas deste produto (71.0% delas consomem-no), ao contrário dos reformados (43.8% consome o produto).

Entre as regiões, há menor dispersão, sendo as maiores taxas de consumo observadas na Grande Lisboa, com 63.4% de consumidores de creme de mãos, ao contrário do Litoral Norte, onde o consumo não excede os 50.9%.

Neste indicador, a classe social é a variável que apresenta menor heterogeneidade de comportamentos, embora o consumo seja superior à média junto dos indivíduos das classes sociais alta e média alta (60.6%).

Esta análise foi realizada com base nos resultados do estudo Consumidor da Marktest. Contacte-nos para mais informações sobre este assunto.

Arquivo de notícias

Clipping

ver mais

Em Agenda ver mais