Menos portugueses pagam despesas domésticas pelo banco
Menos portugueses pagam despesas domésticas pelo banco
placeholder
Embora o pagamento de despesas domésticas seja o serviço bancário que os portugueses mais utilizam, foi o que registou maior quebra em 2022, segundo os dados do estudo Basef Banca da Marktest.
Grupo Marktest
19 setembro 2023

O estudo Basef Banca da Marktest contabilizou, na vaga global de 2022, em 4 milhões e 510 mil o número de portugueses que pagam as suas despesas domésticas (telefone, eletricidade, gás, água, etc) através do banco, sendo este o serviço bancário mais utilizado no país.

Entre os residentes no Continente com 15 e mais anos e conta bancária, 55.6% fazem uso deste serviço, de acordo com os dados do estudo relativos ao ano de 2022.

A utilização deste serviço bancário vinha registando uma tendência global de crescimento de 2012 a 2019, altura a partir da qual tem baixado. Em 2022, foi mesmo o produto em análise com maior quebra face ao ano anterior.

placeholder

O pagamento de despesas domésticas através do banco é bastante homogéneo entre géneros e regiões, sendo de salientar os indivíduos entre os 15 e os 24 anos, com valores significativamente abaixo da média. Entre as classes sociais, os valores também registam um decréscimo das classes mais altas para as mais baixas.

Esta análise foi realizada com base nos resultados do estudo Basef Banca da Marktest. Contacte-nos para mais informações sobre este assunto.

Arquivo de notícias

Em Agenda ver mais
  • 4A's MPF

    O 4A's Management Practitioners Forum (MPF) é uma conferência exclusiva para membros, destinada a líderes de agências independentes.

    4 a 5 de junho de 2024

    American Association of Advertising Agencies

    Chicago, EUA

    gwalker@4as.org

  • Q2024

    Esta conferência tem como tema "Estatísticas Oficiais como Pilar da Democracia"

    4 a 7 de junho de 2024

    INE e Eurostat

    Centro de Congressos do Estoril, Estoril

    q2024@leading.pt