Media Planning lidera ranking de agências de meios

Segundo revelou a MediaMonitor, a Media Planning é a agência de meios que em Janeiro lidera os investimentos publicitários. Responsável por investimentos na ordem dos 24,5 milhões de euros (preços de tabela), a agência detém 17.4% do mercado publicitário nesse mês.

A Media Planning é igualmente a central líder do mês, responsável por investimentos publicitários que rondam os 25 milhões de euros (que incluem a agência de meios Media Planning e a Arena), representando 17.8% do mercado.

A Inititive Media é a segunda agência de meios, com investimentos em Janeiro de 16,8 milhões de euros, o que lhe garante uma quota de 11.9% do mercado. A central Initiative Media (que inclui ainda a Brandconnection) é igualmente a segunda, assegurando investimentos de 17,3 milhões de euros e garantindo uma fatia de 12.3% do bolo publicitário.

A Tempo OMD é em Janeiro simultaneamente a terceira agência de meios e a terceira central, assegurando 10.1% do mercado, com investimentos perto dos 14,3 milhões de euros.

Estas três agências de meios em conjunto representam 39.5% do mercado publicitário no período em análise.

O agrupamento de compras líder do mês é a TMP, com uma quota de 29.2% do mercado, assegurando compras de valor superior a 41 milhões de euros. O agrupamento congrega sete agências de meios, entre as quais a Tempo OMD, e cinco centrais.

O segundo agrupamento de compras é a Megameios, composto por cinco agências de meios, entre as quais a Initiative Media, e quatro centrais. É responsável por compras superiores a 31,5 milhões de euros e detém em Janeiro uma quota de 22.4% do mercado.

O agrupamento de compras Grupo Media Planning, que inclui as agências Media Planning e Arena e a central Media Planning, é responsável neste período por compras superiores a 25 milhões de euros, garantindo uma quota de 17.8% do mercado.

Finalmente, o agrupamento de compras Power Media, composto por cinco agências de meios, entre as quais a Mediacom Ibéria, e quatro centrais, é responsável por compras superiores a 15,6 milhões de euros, detendo uma quota de 11.1% do mercado.

O mercado revelou em Janeiro uma forte concentração da publicidade na televisão, que, com investimentos perto dos 91 milhões de euros, recolhe 64.6% do bolo publicitário. À imprensa foram dirigidos neste período montantes superiores a 27 milhões de euros, assegurando um peso de 19.4% do total. O outdoor e a rádio têm níveis de investimento muito próximos: o outdoor recolhe 11343 mil euros (8.1% do total) e a rádio 11264 mil euros (8% do total).



Arquivo de notícias

Em Agenda ver mais