Portugueses e Gripe A: 40% alterou comportamento

Uma sondagem do Fonebus da Marktest, realizada em exclusivo para a Marktest.com Notícias, revela que mais de 40% dos portugueses dizem ter alterado algum dos seus comportamentos como forma de evitar o contágio pelo vírus da Gripe A. Saiba quais.

Grupo Marktest,  1 setembro 2009

A Marktest.com Notícias quis saber como é que os residentes no Continente com 18 e mais anos estão a encarar a pandemia de Gripe A que actualmente vivemos, através de uma sondagem realizada pelo Fonebus da Marktest entre os dias 20 e 23 de Agosto de 2009. Para além do seu grau de informação e preocupação com a doença (ver artigo anterior), também se pretendeu conhecer se houve alterações de comportamentos como forma de prevenção do contágio.

Em resposta à pergunta "Alterou algum dos seus comportamentos como forma de evitar o contágio pelo vírus da Gripe A?", 41.2% dos residentes no Continente com 18 e mais anos inquiridos nesta sondagem respondeu que sim. A resposta a esta pergunta foi muito diferenciada segundo as variáveis sociodemográficas analisadas: as mulheres responderam mais pela positiva do que os homens, os mais jovens também disseram mais do que os mais idosos ter alterado os seus comportamentos para evitar o contágio, assim como os residentes no Litoral Centro e os indivíduos das classes sociais mais elevadas.

Lavar mais vezes as mãos foi a principal alteração indicada pelos indivíduos que responderam afirmativamente à questão anterior. Entre estes, mais de três quartos (76.7%) disse ter sido este o comportamento diferente que passou a fazer para evitar o contágio pelo vírus da Gripe A. Um em cada cinco entrevistados que havia referido ter alterado algum comportamento (20.0%) afirmou que tinha passado a evitar locais fechados/públicos/multidões e 13.1% referiu evitar tocar em maçanetas/puxadores/torneiras/corrimões/caixas multibanco. Houve ainda 9.0% de inquiridos que afirmou utilizar desinfectante/álcool e 8.1% disse mesmo ter passado a evitar o contacto físico com as pessoas.

Este estudo foi realizado em Portugal Continental através do Fonebus da Marktest, entre os dias 20 e 23 de Agosto de 2009, de acordo com a seguinte a Ficha Técnica. Contacte-nos se pretende mais informações sobre este assunto.

Arquivo de notícias

Em Agenda ver mais