Evolução dos acontecimentos da semana

placeholderTendo em conta as recolhas efectuadas pelo Fonebus para a Marktest, nas últimas 5 semanas, verifica-se que a população entrevistada não mantém, de umas semanas para as outras, a sua opinião acerca dos acontecimentos mais negativos e positivos.

Observando o gráfico abaixo, verifica-se que os íncêndios é o único tema que se mantém como acontecimento mais negativo durante duas semanas consecutivas (31 de Julho e 7 de Agosto).


Clique nas Imagens
placeholder placeholder

Na semana de 10 de Julho, a população residente em Lisboa e Porto considerou como tema mais negativo a operação e consequente morte das gémeas iranianas siamesas, enquanto que em 17 de Julho o tema considerado mais negativo foi o golpe de Estado ocorrido em São Tomé e Príncipe.

No mesmo período os temas mais positivos foram, respectivamente, a visita do presidente Lula da Silva e o aparecimento da menina inglesa.

O atentado da ETA, foi na semana de 23 de Julho o acontecimento negativo que mereceu maior atenção por parte dos entrevistados. Como tema mais positivo, os lisboetas e portuenses consideraram a morte dos filhos de Saddam.

Nas últimas duas semanas em observação, os incêndios canalizaram a atenção de mais de metade da população dos concelhos de Lisboa e Porto que respondeu ao Inquérito do Fonebus. De facto, este acontecimento negativo, na semana de 7 de Agosto, chegou a prender a atenção de 90.1% do total de entrevistados.

Os temas relacionados com o desporto, nas últimas duas semanas, foram os mais positivos. A Gymnaestrada ocupou o primeiro lugar na semana de 31 de Julho e 20.2% fazem referência à inauguração do estádio de Alvalade XXI, na semana de 7 de Agosto.



Arquivo de notícias

Em Agenda ver mais