Publicidade comercial nas TVs em Julho
Publicidade comercial nas TVs em Julho
placeholder
Consulte os dados da MediaMonitor relativos à publicidade comercial nos quatro canais nacionais de televisão de sinal aberto para Julho de 2013.
Grupo Marktest
13 agosto 2013

placeholder Em Julho de 2013, foram exibidas 62 072 peças publicitárias nos ecrãs da RTP1, RTP2, SIC e TVI, considerando todos os tipos de publicidade à excepção das auto-promoções dos canais. Este montante equivale a uma média diária de 501 inserções de publicidade por canal.

Nos últimos 12 meses, o valor mais elevado foi observado em Junho de 2013, quando se contaram 62 072 inserções de publicidade comercial nestes canais.

placeholder

No total, os quatro canais emitiram 479 horas de publicidade (excluindo auto-promoções) em Julho de 2013, o que representa uma média diária de 3 horas e 52 minutos por canal.

Nos últimos 12 meses, foi em Junho de 2012 que se observou maior duração publicitária, com 488 horas.

placeholder

Entre Janeiro e Julho, a duração média dos spots publicitários foi de 28 segundos, menos 3 segundos do que o observado no mesmo período de 2012.

Esta duração média variou entre os 12 segundos na RTP2 e os 43 segundos na RTP1, sobretudo devido à duração da publicidade de Telecompras, que tem tido um peso muito significativo na duração publicitária total deste canal.

placeholder

Esta análise foi realizada com recurso ao software MMW/Videotrack da MediaMonitor, para o período compreendido entre 1 e 31 de Julho de 2013. Contacte-nos para mais informações sobre este assunto.

Arquivo de notícias

Em Agenda ver mais
  • QSP Summit

    O QSP SUMMIT afirma-se como a mais relevante Conferência de Management e Marketing da Europa.

    28 a 30 de junho de 2022

    QSP - Consultoria de Marketing

    Feira Internacional do Porto, Matosinhos

    info@qspsummit.pt

  • Data Science Analytics Course

    Curso online, dirigido a todos os profissionais e empresas de estudos de mercado, que queiram entender melhor o campo florescente da Data Science.

    30 de junho de 2022

    APODEMO em colaboração com a MRS

    apodemo@apodemo.pt