A publicidade no 1º semestre

A publicidade no 1º semestre

placeholder

A preços de tabela, o mercado publicitário aumentou 15.3% no primeiro semestre, de acordo com os dados da MediaMonitor.

Grupo Marktest
2 agosto 2016

Segundo os dados da MediaMonitor, o investimento publicitário a preços de tabela subiu 15.3% no primeiro semestre de 2016 face a igual período do ano anterior.

Esse acréscimo foi, em termos relativos, maior no cinema (mais 19.5%) e na Tv (mais 19.2%), tendo os valores baixado apenas na imprensa (menos 5.5%). Os montantes alocados à internet subiram 14.1% a preços de tabela, ao outdoor 5.5% e à rádio 2.1%.

É de salientar que o período de recolha da informação relativa a Junho de 2016 não está ainda concluído para todos os meios (ver nota da situação referente ao mês de Junho) sendo por isso os valores ainda não definitivos.

Nos primeiros seis meses deste ano, a Unilever-Jerónimo Martins foi o maior anunciante, responsável por 4.1% dos montantes globais. A Modelo Continente ficou na segunda posição, com 2.5% de quota e a European Home Shopping em terceiro, com 2.4%.

Os 20 maiores anunciantes foram responsáveis por 36.2% do investimento publicitário do primeiro semestre.

Neste período, a maior fatia do investido a preços de tabela foi dirigida à televisão, com 76.8%. A Internet captou 7.7% dos montantes totais, a imprensa 7.3%, cabendo 8.1% aos restantes meios analisados pela MediaMonitor.

Esta análise foi realizada com recurso ao software MMW/Admonitor da MediaMonitor, para o período compreendido entre 1 de Janeiro e 30 de Junho de 2016. Contacte-nos para mais informações sobre este assunto.

Arquivo de notícias

Clipping

ver mais

Em Agenda ver mais