Na expectativa da guerra

placeholderNuma semana em que o incêndio no metro da Coreia do Sul recolhe 10.8% de opiniões que o classificam como o mais negativo da semana, o receio de uma guerra no Iraque continua a gerar consenso: ele é mesmo o mais negativo para os lisboetas e portueses inquiridos pelo Fonebus da Marktest.

Para 22% dos inquiridos nesta sondagem, uma possível guerra no Iraque é o acontecimento mais negativo dos últimos sete dias. Se a estes juntarmos ainda as referências indiscriminadas a guerra, bem como as que apontam a política externa dos EUA e do seu Presidente ou ainda as que aludem à política de Durão Barroso face ao caso do Iraque, são 32% os residentes na Grande Lisboa e Grande Porto que se preocupam com este assunto.

Na sondagem surgem ainda referências ao tema da pedofilia, que para 12.4% dos inquiridos foi o acontecimento mais negativo do período. Depois dos 10.8% que aludem ao incêndio no metro da Coreia do Sul, surgem ainda 7.2% de inquiridos que referem o desemprego e os despedimentos como o facto mais negativo. Outras questões são ainda adiantadas por 17.2% dos indivíduos, havendo 20.4% que não sabe ou não responde á questão.

Quanto à avaliação do acontecimento mais positivo da semana, é também a situação no Iraque a predominar: 10.4% considera as manifestações contra a guerra como o acontecimento mais positivo e 7.6% refere que esse acontecimento foi o facto de ainda não ter estalado a guerra. Há ainda 6% de inquiridos que referem que o mais positivo foram os esforços para evitar este conflito. Outras questões são apontadas por 13.6% dos inquiridos, havendo ainda 4.4% deles que afirmam que nada de positivo aconteceu no período. A maioria (58%), no entanto, não sabe ou não responde à questão. Este número regista esta semana um valor mais baixo do que em anteriores períodos, o que pode ser um indicador de um sentimento menos pessimista por parte dos residentes nestas regiões.

A sondagem da Marktest foi realizada no dia 20 de Fevereiro de 2003, com a seguinte Ficha Metodológica.



Arquivo de notícias

Em Agenda ver mais