Portugueses pagam 6 euros de compras com pagamento automático

Segundo os dados da SIBS, disponíveis no sistema de informação Sales Index da Marktest, os portugueses pagam, em média, por dia, seis euros através dos terminais de pagamento automático do Multibanco.

Grupo Marktest,  6 maio 2008

De acordo com os dados da SIBS (Sociedade Interbancária de Serviços), disponíveis no sistema de informação Sales Index da Marktest, o valor das compras efectuadas em Portugal, pagas através do sistema de pagamento automático, ultrapassou os 24 mil milhões de euros em 2007.

O concelho de Lisboa, sozinho, concentra 16.5% deste montante, ao terem aqui sido pagas compras num valor próximo de 4 mil milhões de euros em 2007. O Porto, com mais de mil milhões de euros, concentra 4.6% e Cascais, com 837 milhões, está em terceiro, representando 3.5% do total de pagamentos feitos neste sistema. Estes três concelhos, no seu conjunto, concentram perto de um quarto (24.6%) do total destes pagamentos.

Os valores contabilizados pela SIBS referem-se a um total de 547,6 milhões de compras pagas através do sistema de pagamento automático, o que significa que, em média, cada compra teve um valor de 44 euros. Almeida e Corvo são os concelhos onde este valor médio por compra é o mais elevado, 95.7 e 94 euros, respectivamente. Em concelhos como Alvito, Marvão ou Ponta do Sol também se registam pagamentos de valor médio superior à média do país (entre 71 e 74 euros). Pelo contrário, em Cuba, Castelo de Vide ou Gavião observam-se os valores médios mais baixos, que não atingem os 30 euros por compra. A análise do mapa permite constatar que na maioria dos concelhos de fronteira, este valor é superior à média nacional.

Em termos médios, estes números equivalem a dizer que, por dia, são pagas neste sistema compras no valor de quase 66 milhões de euros ou que cada português pagou, em média, 2270 euros por ano ou 6.2 euros por dia nos terminais de pagamento automático do Multibanco. Ainda segundo estes números, cada português fez uma compra por semana que pagou através deste sistema.

Albufeira, Lisboa e Faro são os concelhos com valores médios diários per capita mais elevados (entre 16.8 e 26.8 euros, em média por dia e habitante), ao passo que em Boticas, Vimioso, Vizela ou Trofa esse rácio é o mais baixo (não atingindo 35 cêntimos, em média, por dia e por habitante).

Albufeira, Lisboa e Montijo foram os concelhos onde o número médio de compras por habitante foi mais elevado, superior a 144 compras por ano pagas através deste sistema, ao contrário de Corvo, Vimioso ou Boticas, onde cada habitante não chegou a pagar desta forma 3 compras por ano.

Nos mapas, estão assinalados numa cor mais escura os concelhos com valores acima da média nacional.

Esta análise foi realizada com base em informação constante no sistema de informação Sales Index da Marktest. Contacte-nos para mais informações sobre este assunto.

Arquivo de notícias

Clipping

ver mais

Em Agenda ver mais