Posse de Seguros de Vida Puro Risco
Grupo Marktest,  16 dezembro 2004

placeholderSegundo os dados da 1ª vaga de 2004 do estudo Basef Seguros, da Marktest, são cerca de 1,4 milhões os portugueses que possuem/usufruem de seguro de vida puro risco.

placeholderO Basef contabiliza no Continente, entre os seus residentes com 15 e mais anos, 1361 mil indivíduos com posse/usufruto deste tipo de seguro, o que corresponde a 16.4% deste universo.

O seguro de vida puro risco tem evidenciado globalmente uma tendência de crescimento no nosso país, passando de uma taxa de 10.5% na 1ª vaga de 2000 para os 16.4% na 1ª vaga de 2004. Estes números representam uma taxa de crescimento médio de 13.2% ao ano e de 56.2% entre aqueles dois momentos.

A posse deste tipo de seguro é mais frequente junto dos homens, que apresentam uma taxa de 18.5%, face aos 14.5% das mulheres. A idade onde o produto é mais frequente é entre os 35 e os 44 anos, onde regista uma penetração de 28.6%. Pelo contrário, nos mais idosos (mais de 64 anos) baixa para os 3.4%.

Por regiões, é na Grande Lisboa que encontramos maior penetração de seguro de vida puro risco, com 20.0%, contrariamente à região Interior Norte, que apresenta a taxa mais baixa, de 11.8%. Segundo as classes sociais, são os indivíduos das classes alta e média alta os que revelam maior posse de seguro de vida puro risco, com 26.7%.

placeholder

Esta análise foi realizada com base nos resultados da primeira vaga de 2004 do estudo Basef Seguros da Marktest. Contacte-nos para mais informações sobre este assunto.

Notícias da mesma semana

Arquivo de notícias

Clipping

ver mais
Em Agenda ver mais
  • QSP Summit

    O QSP SUMMIT afirma-se como a mais relevante Conferência de Management e Marketing da Europa.

    28 a 30 de junho de 2022

    QSP - Consultoria de Marketing

    Feira Internacional do Porto, Matosinhos

    info@qspsummit.pt

  • Data Science Analytics Course

    Curso online, dirigido a todos os profissionais e empresas de estudos de mercado, que queiram entender melhor o campo florescente da Data Science.

    30 de junho de 2022

    APODEMO em colaboração com a MRS

    apodemo@apodemo.pt