Marktest e ACNielsen Portugal celebram acordo de cooperação

Marktest,  5 junho 2006

A Marktest e a ACNielsen, no seguimento de uma reflexão conjunta realizada em torno do mercado nacional de market research, por intermédio da qual analisaram, especificamente, as vertentes relacionadas com o PAINEL DE CONSUMIDORES e os ESTUDOS DE MEDIA, firmaram, no passado dia 1 de Junho de 2006, um ACORDO com o intuito de majorar a qualidade dos serviços prestados pelas duas empresas aos seus clientes e ao mercado.

A comunicação conjunta que se encontra a ser efectuada junto dos clientes indica quais os pontos essenciais desse acordo, nomeadamente:

  • A Marktest e a ACNielsen Portugal irão partilhar informações que permitam o desenvolvimento de análises de valor acrescentado, cruzando dados de MEDIÇÃO DE AUDIÊNCIAS e do PAINEL DE CONSUMIDORES;
  • A Marktest e a ACNielsen Portugal propõem-se trabalhar em conjunto para que a Marktest, até ao final do ano 2006, possa apresentar ao mercado uma solução integradora de fusão de dados MEDIÇÃO DE AUDIÊNCIAS e do PAINEL DE CONSUMIDORES;
  • A Marktest e a ACNielsen Portugal comprometem-se a criar um grupo de trabalho conjunto, constituído por técnicos de estudos de mercado, com o objectivo de avaliar a possibilidade de harmonizar definições de mercado, como sejam, nomeadamente, regiões geográficas e perfis sócio-demográficos.
  • A Marktest e a ACNielsen Portugal, tratando-se das duas maiores empresas de marketing research a operar no mercado nacional, acreditam, seriamente, que o ACORDO alcançado permitirá prestar um melhor e mais completo serviço nas áreas supra mencionadas.

Inquirido a este propósito, o Presidente do Grupo Marktest, Dr. Luis Queirós, prestou o seguinte depoimento à Marktest.com:

"O presente acordo celebrado entre a Marktest e a ACNielsen Portugal contempla um conjunto de compromissos que visam melhorar e incrementar os serviços prestados pelas duas empresas aos seus clientes e ao mercado.

No que respeita à Marktest, compete esclarecer que iremos descontinuar o serviço designado por Marktest Consumer Index, contudo, é nossa convicção manter em funcionamento o Painel enquanto ferramenta de recolha de informação, designadamente, para proceder ao acompanhamento de estudos de tracking de consumo e estudos especiais de hábitos e imagem para a área da Grande Distribuição.

Considero necessário sublinhar que, na Marktest, acreditamos que a metodologia utilizada para a produção do estudo MCI é àquela que se encontra alicerçada num maior rigor técnico, entre outros motivos, por ser a metodologia mais objectiva. No entanto, o esforço que a Marktest efectuou, ao longo do tempo, de aposta e manutenção neste serviço comportava uma estrutura de custos, significativamente mais elevada do que as apresentadas pela nossa concorrência directa, estrutura essa que conduziu a desajustamentos financeiros intrínsecos ao estudo, não permitindo acompanhar os preços que se praticam neste mercado.

Acresce a este factor, a circunstância de alguns clientes multinacionais tomarem as suas decisões na área do marketing research em função de alinhamentos preestabelecidos, a nível de vários países.

Em resumo, posso adiantar que, na Marktest, ficámos satisfeitos pelo acordo firmado com a ACNielsen Portugal, cujo prestígio a nível mundial é sobejamente conhecido, pelo que de positivo esse acordo pode trazer à qualidade dos serviços prestados aos clientes e ao mercado português."

Questionado a este propósito, o Dr. Francisco Neto de Carvalho, Managing Director da ACNielsen Portugal, prestou a seguinte declaração à Marktest.com:

"Fico satisfeito por este acordo realizado com a Marktest, empresa de referência no mercado, nos permitir trabalhar em conjunto para lançar no futuro serviços inovadores com vantagens para os nossos clientes."

Como consequência da descontinuação do serviço MCI, a Direcção de Recursos Humanos do Grupo Marktest informou a Marktest.com do seguinte enquadramento na área dos RH:

  • A administração da Marktest analisou, em conjunto e individualmente, a situação pessoal e profissional de todos os trabalhadores afectos ao serviço MCI;
  • A Marktest, como é seu apanágio, reconhece a sua responsabilidade social na resolução de todas as questões inerentes à descontinuação do serviço MCI, no que à área dos recursos humanos respeita;
  • Do universo dos trabalhadores com vínculo à Marktest, salvo por absoluta impossibilidade, todos foram, pessoal e individualmente, informados da decisão da empresa, no passado dia 2 de Junho de 2006;
  • A título de esclarecimento, evitando especulações desajustadas da realidade, a Marktest considera oportuno informar que dos 29 (vinte e nove) trabalhadores com vínculo à empresa (afectos ao serviço MCI) todos foram informados das perspectivas/alternativas futuras colocadas à sua disposição;
  • No que respeita aos prestadores de serviços, na área da introdução de dados, a todos foi apresentada a decisão da empresa com uma alternativa imediata de continuidade e, simultaneamente, dada a garantia do rápido pagamento dos valores relativos aos serviços prestados;
  • Em suma, o processo de descontinuação do serviço MCI conduzirá à rescisão de contrato de trabalho sem termo com um número compreendido entre 2 e 7 colaboradores da Marktest, com os quais foi encetado um processo negocial de revogação por mútuo acordo.

Arquivo de notícias

Clipping

ver mais

Em Agenda ver mais