Audiência influencia preços

Numa análise dos dados da MediaMonitor para o primeiro semestre de 2003, é clara a relação entre audiência e preço da publicidade. A correlação entre os dois indicadores é de 0.90 no conjunto dos quatro canais aerial.

Os gráficos que apresentamos mostram bem como a oferta de espaço publicitário e o seu valor de tabela se relaciona quase directamente com a audiência das TVs para os vários períodos do dia.

Para o conjunto dos quatro canais aerial, a curva da audiência média é praticamente sempre acompanhada da curva dos investimentos publicitários (preços de tabela), com excepções interessantes. De facto, nos períodos que precedem os “picos” de audiência da hora de almoço e do prime time, o investimento publicitário desce, por vezes de forma abrupta. Este facto deve-se à estratégia mais ou menos generalizada das várias estações de não fazer intervalos entre programas como forma de “segurar” a audiência nos períodos mais favoráveis, baixando assim a sua oferta de espaço publicitário.

A correlação entre os dois indicadores analisados é de 0.90 para o conjunto dos quatro canais no primeiro semestre do ano. Mas existem variações: a TVI e a SIC são os canais onde a relação entre audiência e preço da publicidade é mais forte: 0.91 e 0.90, respectivamente. Na RTP2 essa correlação é de 0.89 e a RTP1 apresenta o valor mais baixo, de 0.78.

Esta análise foi realizada pela Marktest.com, com base em informação da MediaMonitor e da Marktest Audimetria para o primeiro semestre de 2003.



Notícias da mesma semana

Arquivo de notícias

Em Agenda ver mais