A publicidade na Tv em 2004

Grupo Marktest,  11 janeiro 2005

Durante o ano de 2004, passaram nos quatro canais de televisão portugueses de sinal aberto 826 721 inserções publicitárias, segundo os dados do serviço Publitex Tv da MediaMonitor. Este número, que contabiliza as peças publicitárias de todos os tipos, correspondeu a um aumento de 9.2% relativamente a 2003.

Durante o ano, a publicidade teve uma duração total de 7 697 horas, uma média diária de cerca de 5 horas e 15 minutos por canal, o que representa uma ligeira diminuição de 0.3% face a 2003.

O investimento publicitário a preços de tabela nestes canais cifrou-se em 1 740 milhões de euros, evidenciando um crescimento de 13.8% face ao ano transacto.

A análise mensal das inserções mostra uma curva ascendente entre Janeiro e Maio, ao que se segue uma quebra em Junho. A partir daí, o movimento é novamente ascendente até Novembro, mês em que se regista o maior valor do ano, com 80 645 inserções. Em Dezembro, regista-se uma nova quebra neste indicador.

Esta tendência é seguida, de forma geral, pela evolução da duração e do valor do investimento publicitário. No caso da duração publicitária, as quebras mensais não são tão assinaláveis e no caso do investimento a preços de tabela refira-se a situação de Agosto, como o mês que menos valor recebe.

Destes montantes, a RTP1 foi responsável pela captação de 20.6% das inserções, 25.0% da duração e 19.3% do investimento publicitário. À 2: foram dirigidas 6.7% das inserções, 18.4% da duração e 0.1% do investimento. A SIC, pelo seu lado, recebeu 35.0% das inserções, 27.6% da duração e 36.2% do investimento. Finalmente, para a TVI foram canalizadas 37.7% das inserções, 29.0% da duração e 44.5% do investimento publicitário.

O meio representa, até Novembro, 63.5% do volume total de publicidade, considerando televisão, rádio, imprensa, cinema e outdoor.

Esta análise foi realizada com recurso ao software Videotrack da MediaMonitor.Os valores apresentados referem-se a preços de tabela e consideram toda a publicidade televisiva. Contacte-nos para mais informações sobre este assunto.

Arquivo de notícias

Clipping

ver mais

Em Agenda ver mais