Candidatos protagonizam menos informação na Tv

Grupo Marktest,  5 janeiro 2006

O Dossier Presidenciais 2006 disponível no nosso site tem como base informação dos serviços Telenews e Clipping da MediaMonitor e permite acompanhar a cobertura mediática dos candidatos às próximas eleições presidenciais, assim como os resultados das sondagens publicadas na imprensa nacional.

Na semana entre o Natal e o Ano Novo, os candidatos às próximas eleições presidenciais estiveram menos tempo nos noticiários de Tv enquanto protagonistas, de acordo com os dados do serviço Telenews da MediaMonitor.

Na semana que decorreu entre 26 de Dezembro de 2005 e 1 de Janeiro de 2006, a RTP1 foi o canal onde os candidatos às presidenciais protagonizaram mais notícias, mas foi a SIC que emitiu mais tempo de informação protagonizada por eles.

Na semana em análise, foram 130 as notícias dos serviços regulares de informação da RTP1, 2:, SIC e TVI protagonizadas pelos candidatos às eleições Presidenciais de Janeiro. Estas notícias tiveram uma duração total de 4 horas e 41 minutos, números muito abaixo dos registados nas semanas anteriores, certamente como reflexo da quadra festiva.

A RTP1, com 38 notícias em que estas personalidades foram protagonistas, foi o canal que mais peças difundiu. Estas notícias representaram 29.2% do total protagonizada por estes candidatos e tiveram uma duração total de 1 hora e 14 minutos.

A SIC foi a estação que nesta semana, tal como na anterior, mais espaço em grelha ofereceu a estes candidatos enquanto protagonistas, com uma hora e 37 minutos, repartidos por 35 matérias. Estas notícias representaram 26.9% do total protagonizado por estas personalidades e 34.7% do espaço de emissão total que lhes foi dado, enquanto protagonistas, no período considerado.

Tal como nas últimas semanas, Mário Soares protagonizou o maior número de notícias, com 34 matérias. Manuel Alegre, com 17 peças, foi o que menos notícias protagonizou nos noticiários destes canais.

Mário Soares protagonizou notícias de maior duração, com um total superior a 1 hora e 20 minutos. Mais uma vez, Manuel Alegre foi protagonista de notícias de menor duração total, de cerca de 36 minutos.

Cavaco Silva protagonizou, pelo seu lado, matérias de duração média mais longa, de 2 minutos e 33 segundos. Pelo contrário, Francisco Louçã protagonizou notícias de duração média mais baixa, com 1 minuto e 49 segundos.

Analisando o período posterior às eleições autárquicas (a partir da semana 41, com início a 10 de Outubro de 2005), vemos como todos os candidatos observam uma tendência de aumento das notícias por si protagonizadas e respectiva duração total, excepto nas duas últimas semanas, que registam uma acentuada quebra generalizada.

Mário Soares lidera quer em número, quer em duração das notícias, responsável por 26.0% das notícias protagonizadas por estes candidatos e 28.2% da sua duração. Jerónimo de Sousa mantém-se como o segundo protagonista em número de notícias (20.0% do total), mas é Cavaco Silva que ocupa essa posição quanto à duração das notícias (19.8% da duração total).

Esta análise considera apenas as notícias protagonizadas por cada um destes candidatos emitidas nos serviços regulares de informação dos canais em análise, segundo a seguinte Nota Metodológica. Contacte-nos para mais informações sobre este assunto.

Arquivo de notícias

Clipping

ver mais

Em Agenda ver mais