Marktest lança Sales Index 2006

Grupo Marktest,  23 março 2006

A Marktest acaba de lançar a versão de 2006 do Sales Index , o seu sistema de gestão de informação de base regional.

Utilizado por um grande número de entidades para quem o espaço é também uma variável de segmentação, o Sales Index é um poderoso sistema de gestão de informação de base concelhia que a Marktest desenvolve desde 1992.

Tendo por base o índice sales index (o poder de compra concelhio), o software permite a realização de múltiplas análises de âmbito local, bem como a integração de dados exclusivos dos clientes.

O Sales Index é desenvolvido desde 1992, mas na sua génese está o IPCR (Índice de Poder de Compra Regional), que a Marktest já desenvolvia desde 1980 e que constitui o primeiro índice de poder de compra dos concelhos portugueses.

A filosofia do Sales Index é fornecer aos utilizadores todas as ferramentas necessárias à realização de análises de caracterização regional e do poder de compra do país. Para além das variáveis de caracterização concelhia (recolhidas junto de fontes oficiais), o sistema disponibiliza também um conjunto de índices que permitem não apenas visualizar como as variáveis se relacionam entre si, mas também fazer comparações entre os diversos concelhos do país.

Paralelamente, as suas funcionalidades permitem um vasto leque de aplicações de rentabilização da informação de base e de sustentação de estratégias de desenvolvimento local.

É hoje utilizado sobretudo para análise de redes de venda e distribuição, definição de objectivos de venda regionais, análise do potencial concelhio ou definição de novas localizações, entre muitas outras aplicações.

Clique em cada uma das imagens para conhecer melhor as principais funcionalidades deste sistema.

1. Selecção de Unidade Geográfica

O Sales Index permite análises por freguesia, concelho, distrito, restantes regiões administrativas ou de marketing (regiões Marktest) ou regiões próprias criadas por cada utilizador. A base de dados está organizada por concelho, contando também com alguns indicadores por freguesia.

2. Selecção de Variáveis

A base de dados fornecida pela Marktest conta com mais de 28.000 variáveis organizadas por temas, que cobrem áreas como a demografia, estrutura empresarial, emprego, actividade económica, ensino, cultura, turismo, impostos, venda de automóveis, índices Marktest, entre outras.

3. Relatórios

A produção de relatórios é a forma mais simples de visualizar a informação contida na base de dados (incluindo a análise de dados próprios de cada utilizador). Os relatórios podem ser editados em folha de cálculo ou exportados, por exemplo, para Excel.

4. Gráficos

Os gráficos permitem observar as tendências de evolução e de estrutura das variáveis presentes na base de dados. Estão disponíveis vários tipos de gráficos, que podem ser parametrizados pelo utilizador e exportado para outros formatos.

5. Mapas

Um dos módulos mais utilizados do Sales Index; permite ao utilizador realizar análises espaciais para qualquer nível geográfico do sistema (incluindo regiões de utilizador). Estão disponíveis vários tipos de mapas, desde mapas de intervalos, mapas de gráficos ou símbolos. Podem ser construídos mapas com mais do que uma divisão territorial, incluindo mapas próprios de cada utilizador. Os mapas podem ser gravados como imagens e inseridos em documentos do utilizador.

6. Análises Estatísticas

As análises estatísticas são métodos poderosos de maximizar a informação que está incluída no Sales Index. Estes métodos, Análise de Componentes Principais, Análise de Regressão, Análise Stepwise e Análise de Clusters, são diferentes tipos de análise com diferentes objectivos que podem ser utilizados independentemente ou em conjunto, pois podem complementar-se se forem correctamente utilizados.

7. Variáveis de Utilizador

O utilizador pode introduzir ou importar variáveis próprias e cruzá-las com a informação da base de dados do Sales Index, o que constitui outro ponto forte muito importante do sistema. Dentro destas variáveis, são ainda de destacar: a criação de variáveis por expressão, a criação de índices e de ponderadores.

8. Regiões de Utilizador

O utilizador pode criar as suas próprias regiões, pelo agrupamento de unidades geográficas já existentes no sistema, o que constitui também uma funcionalidade muito utilizada. As regiões podem ser criadas por codificação do utilizador ou como resultado de uma análise de clusters (que junta concelhos ou freguesias homogéneas).

Consulte aqui mais informação sobre este sistema ou contacte-nos se pretende uma demonstração ou mais informações sobre o Sales Index .

Alguns produtos relacionados com esta notícia

Arquivo de notícias

Em Agenda ver mais