Recordação publicitária: marcas para todos os targets
Recordação publicitária: marcas para todos os targets
placeholder
Uma análise dos dados do estudo Publivaga da Marktest mostra que, no primeiro semestre deste ano, o Pingo Doce foi a marca cuja publicidade foi mais recordada por lisboetas e portuenses. Mas cada grupo sociodemográfico revelou uma afinidade específica com as marcas.
Grupo Marktest
16 agosto 2011

placeholder Se, olhando para o ranking geral da recordação publicitária do primeiro semestre não se registam grandes oscilações nas posições que as várias marcas ocuparam por segmentação sociodemográfica, uma análise do indicador de afinidade mostra que cada target obteve uma afinidade diferente com cada uma das marcas.

Entre Janeiro e Junho de 2011, a marca Pingo Doce foi a que mais lisboetas e portuenses recordaram ter visto publicitada. À pergunta "Que anúncios recorda ter visto publicitados, recentemente?", base para a criação do indicador "recordação de publicidade genérica" do estudo Publivaga da Marktest, as maiores referências entre os residentes nas regiões da Grande Lisboa e do Grande Porto com idades compreendidas entre os 8 e os 64 anos foram, no primeiro semestre do ano, para o Pingo Doce.

A marca Continente ocupou a segunda posição das mais referidas por estes indivíduos e a Meo a terceira.

As marca TMN/Telemóveis TMN e Vodafone/Telemóveis Vodafone completaram o top 5 das marcas cuja publicidade foi mais recordada pelos residentes na Grande Lisboa e no Grande Porto no período.

placeholder

Uma análise por segmentação sociodemográfica revela que cada grupo de indivíduos mostrou afinidade diferente com a publicidade das várias marcas.

Os homens, os indivíduos entre 15 e 34 anos, bem como os residentes na Grande Lisboa e os pertencentes às classes sociais alta, média alta e média revelaram maior afinidade com a marca Sagres/Cerveja Sagres, tendo os seus níveis de recordação da publicidade desta marca superado os valores médios em, pelo menos, 27%.

As mulheres declararam uma recordação genérica superior em 63% aos valores médios relativamente à publicidade da marca Skip, enquanto as crianças dos 8 aos 14 anos e o grupo dos 55 aos 64 anos, mostraram uma afinidade com a marca Lidl.

Os jovens dos 15 aos 24 anos mostraram especial afinidade com a publicidade das marcas de telemóveis, registando uma recordação genérica 65% superior à média relativamente à marca Vodafone/Telemóveis Vodafone e 64% acima da média face à marca Optimus/Telemóveis Optimus.

Entre os 35 e os 44 anos o maior índice de afinidade foi relativo à recordação da publicidade do BES, com estes indivíduos a apresentarem valores 50% acima da média.

Este mesmo índice foi encontrado junto dos indivíduos com idades entre 45 e 54 anos, que apresentaram maior afinidade com a publicidade da marca Millennium/Millennium bcp/bcp. Esta marca foi também aquela com quem os indivíduos da classe social alta e média alta mais afinidade registaram, com níveis de recordação publicitária 70% acima do valor médio.

Junto dos indivíduos dos 55 aos 64 anos e dos residentes no Grande Porto, a maior afinidade foi relativa à marca Modelo, enquanto os indivíduos da classe social média baixa e baixa apresentaram maior recordação do que a média da publicidade da marca Lidl.

Esta análise tem como base o Publivaga, um estudo regular da Marktest que permite conhecer a recordação e a memorização da publicidade das marcas, sendo um instrumento de referência na medição da eficiência das campanhas publicitárias. A informação apresentada nesta análise tem por base o universo constituído pelos indivíduos com idades compreendidas entre os 8 e os 64 anos residentes nas regiões da Grande Lisboa e do Grande Porto. Consulte-nos para mais informações sobre este assunto.

Arquivo de notícias

Em Agenda ver mais
  • MRMW APAC 2022

    Evento dedicado ao Market Research.

    6 a 7 de julho de 2022

    Merlien Institute

    Singapura

  • CIAIQ2022

    11º Congresso Ibero-Americano em Investigação Qualitativa

    12 a 15 de julho de 2022

    Ludomedia

    Faculdade de Ciências da Educação da Universidade da Corunha; Espanha