Prevenção é a medida mais eficaz contra o fogo
Grupo Marktest,  16 agosto 2004

placeholder

Tendo em conta os acontecimentos recentes relacionados com os incêndios ocorridos em Portugal, a população residente em Portugal Continental com mais de 18 anos foi questionada acerca de quais seriam as medidas mais eficazes para prevenir/combater os fogos florestais no futuro.

A melhoria da limpeza de matas e florestas foi considerada a medida mais importante com 78.7% de referências. Houve também uma percentagem considerável de população que defendeu o aumento de meios aos bombeiros (61.2%).

54% considerou importante aumentar as penas para os incendiários. É de salientar que esta medida se reveste de especial importância na população a partir dos 55 anos, sendo a segunda medida mais referida neste segmento.

Requisitar a participação de militares em acções de prevenção e combate, foi a quarta medida mais referida (46.7%), sendo a terceira mais importante para os indivíduos da classe A/B e da classe C1.

A quinta medida referida foi o reforço das campanhas de sensibilização da população (com 36.6% de referências).

3.2% indicou outras medidas e 1.1% não sabe ou não responde.

placeholder

Consulte aqui a metodologia do Fonebus da Marktest.

Arquivo de notícias

Clipping

ver mais
Em Agenda ver mais