Máquina fotográfica digital cresce 50%
Segundo os dados do estudo Consumidor da Marktest, de 2004 para 2005 aumentou 50% o número de residentes em lares com máquina fotográfica digital.
Grupo Marktest,  30 maio 2006

placeholder São já perto de 2,5 milhões os portugueses com 15 e mais anos que residem no Continente em lares onde existe máquina fotográfica digital, de acordo com os dados de 2005 do Consumidor.

O número de indivíduos com máquina fotográfica digital em casa é de 2 497 mil, valor que corresponde a 30% do universo estudado e que evidenciou um crescimento de 50% face ao ano anterior.

Nos últimos quatro anos, este mercado praticamente quadruplicou, passando de 7.7% em 2002 para os 30.0% agora contabilizados.

placeholder

A penetração deste equipamento assume valores acima da média junto dos residentes nas regiões da Grande Lisboa e do Grande Porto (onde 40.8% e 34.3%, respectivamente, possuem máquina digital), junto dos homens (34.2%) e dos jovens (43.6% dos que têm 18 e 24 anos e 43.3% dos que têm entre 25 e 34 anos possuem o equipamento no lar).

Mas é a análise da ocupação e da classe social a que revela comportamentos mais diferenciadores. Entre os quadros médios e superiores, a penetração do equipamento atinge os 64.1%, não passando de 11.6% entre os reformados e pensionistas. Na classe alta e média alta, 59.0% dos indivíduos reside em lares com máquina fotográfica digital.

placeholder

Uma análise do perfil dos residentes em lares onde o equipamento está presente evidencia que 44.6% deles estão nas regiões da Grande Lisboa e do Litoral Norte, 54.4% são homens, 63.8% têm entre 18 e 44 anos, 65.9% pertencem às classes alta, média alta e média e 51.6% são quadros médios e superiores, estudantes ou empregados do comércio, serviços e administrativos.

Esta análise foi realizada com base nos resultados do estudo Consumidor da Marktest. Contacte-nos para mais informações sobre este assunto.

Arquivo de notícias

Clipping

ver mais
Em Agenda ver mais