Novos suportes publicitários nos EUA
As empresas americanas poderão imprimir selos personalizados, contando assim com os selos postais como mais um suporte publicitário.
Grupo Marktest,  30 maio 2006

placeholder
A Hewlett Packard será a primeira empresa a publicitar em selos postais
Os serviços postais dos Estados Unidos revogaram recentemente uma antiga lei que proibia qualquer tipo de publicidade nos selos postais, tornando-os desta forma em novos suportes publicitários.

A alteração dos serviços postais norte-americanos surge na sequência das quebras sentidas neste mercado, à medida que os consumidores migram para o correio electrónico. De 55 mil milhões de peças enviadas em 1998, os serviços postais norte-americanos contabilizaram 43 mil milhões em 2005, uma quebra de 22%.

Com a revogação daquela lei, as empresas poderão usar selos postais para imprimir as suas mensagens publicitárias.

A Hewlett-Packard será a primeira empresa a utilizar selos personalisados, que mostrarão os fundadores Bill Hewlett e Dave Packard, a garagem onde criaram a empresa e o seu logotipo.

Estas alterações podem trazer consigo riscos e reacções que podem ser negativas. De facto, a utilização de um novo espaço dirigido à publicidade traz sempre consigo reacções de estranheza e desconfiança, que se vão modificando à medida que os novos formatos entram na vida de cada um de nós.

Para se ter uma ideia da dimensão deste mercado, a Advertising Age refere alguns números das vendas de selos temáticos:

  • Pesquisa sobre o cancro de mama: mais 800 milhões de selos vendidos
  • Elvis Presley: 517 milhões
  • Heróis do 11 Setembro: 133 milhões

Arquivo de notícias

Em Agenda ver mais
  • QSP Summit

    O QSP SUMMIT afirma-se como a mais relevante Conferência de Management e Marketing da Europa.

    28 a 30 de junho de 2022

    QSP - Consultoria de Marketing

    Feira Internacional do Porto, Matosinhos

    info@qspsummit.pt

  • Data Science Analytics Course

    Curso online, dirigido a todos os profissionais e empresas de estudos de mercado, que queiram entender melhor o campo florescente da Data Science.

    30 de junho de 2022

    APODEMO em colaboração com a MRS

    apodemo@apodemo.pt