Floribella regressa à SIC

Veja a análise da MediaMonitor sobre as audiências da estreia da segunda série da novela Floribella, que a SIC pôs no ar a 20 de Abril.

MediaMonitor,  27 abril 2007

Luciana Abreu está de volta à SIC no papel de Floribella. Depois da morte de Frederico, o seu príncipe encantando, irá viver outra história de amor e desta vez com um verdadeiro príncipe - O Conde Máximo - interpretado por Ricardo Pereira. Mas Delfina, que entretanto se tornou numa das herdeiras da fortuna dos Fritzenwalden, tudo fará para consquistar o Conde e apoderar-se da sua riqueza e Título Nobiliárquico.

O primeiro episódio da segunda temporada de Floribella foi transmitido a 20 de Abril, sexta-feira, antes de Jornal da Noite e obteve 7.4% de audiência média (702.400 espectadores) e 26.8% de share. A audiência total foi de 1.561.800 espectadores, que viram em média cerca de 21 minutos da duração total do evento. Uu seja, cada espectador viu 45% da duração do programa.

O capítulo de estreia registou maior afinidade junto da classe D, das crianças (4-14 anos) e da população idosa, indivíduos com mais de 64 anos. Por outro lado, a classe social A/B (classe alta e média alta) regista a pior afinidade, quando comparada a audiência média do universo com a audiência do alvo.

Análise realizada pela MediaMonitor com base em dados retirados do MMW/Telereport.

Arquivo de notícias

Em Agenda ver mais

  • Portugal Smart Cities Summit

    Esta exposição tecnológica (que tem o apoio institucional do Ministério da Economia, do Ministério do Ambiente e do Ministério da Ciência e Tecnologia, bem como do Secretário de Estado da Energia), conta com a participação de Municípios, Startups, PMEs e Universidades.

    22 a 24 de setembro de 2020

    Fundação AIP

    FIL, Parque das Nações, Lisboa

    elisabete.martins@ccl.fil.pt

  • ONSeries Lisboa

    Nesta mostra de conteúdos televisivos de ficção nacional, estarão presentes potenciais compradores de todo o mundo.

    28 e 29 de setembro de 2020

    Inside Content

    Centro Cultural de Belém, Lisboa