CDU sobe nas intenções de voto

De acordo com os dados apresentados pelo Barómetro Marktest/DN/TSF de Abril, a intenção de voto no Partido Socialista voltou a descer. A CDU foi a força política que mais subiu face a Março.

Grupo Marktest,  2 maio 2007

Os resultados de Abril do do Marktest/DN/TSF mostram que o Partido Socialista voltou a descer nas intenções de voto, pelo segundo m~es consecutivo. Em Abril, a intenção de voto no PS foi de 43.3%, o que representou um decréscimo de 6.9% relativamente ao mês de Março. Mesmo assim, continua a liderar as intenções de voto dos residentes no Continente.

Entre Fevereiro e Março, para além do PS, são mais dois os partidos que vêm baixar a sua percentagem de intenção de voto.

O PSD mantém a segunda posição com 27.7% de intenção de voto, correspondendo a um acréscimo de 7.4% relativamente ao mês anterior.

A coligação CDU (PCP/PEV) manteve a terceira posição (lugar que assegura desde Junho de 2006), chegando a Abril com 12.6% de intenção de voto, representando um acréscimo de 37% face a Março e de 57.5% relativamente ao mês homólogo do ano anterior.

O Bloco de Esquerda viu a intenção de voto no seu partido diminuir. Apesar de manter o quarto lugar, este partido não foi além dos 7.8%, correspondendo a um decréscimo de 13.3% relativamente ao mês de Março e a Abril de 2006.

O CDS-PP voltou a descer na intenção de voto, regressando aos 4.8%, valor já apresentado em Fevereiro).

O Barómetro Marktest/DN/TSF é realizado regularmente junto dos residentes no Continente com 18 e mais anos. Para mais informações consulte a Ficha Metodológica deste Barómetro ou contacte-nos para mais informações sobre este assunto

Arquivo de notícias

Clipping

ver mais

Em Agenda ver mais