Pingo Doce regressa à liderança da recordação publicitária
Pingo Doce regressa à liderança da recordação publicitária
placeholder
A marca Pingo Doce volta a ser em Maio aquela cuja publicidade foi mais recordada pelos lisboetas e portuenses, de acordo com os dados do estudo Publivaga da Marktest.
Grupo Marktest
6 julho 2010

placeholder Em Maio de 2010, a marca Pingo Doce foi a que mais lisboetas e portuenses recordaram ter visto publicitada, segundo os dados do estudo Publivaga da Marktest.

À pergunta "Que anúncios recorda ter visto publicitados, recentemente?", base para a criação do indicador "recordação de publicidade genérica" do estudo Publivaga da Marktest, as maiores referências entre os residentes nas regiões da Grande Lisboa e do Grande Porto com idades compreendidas entre os 8 e os 64 anos foram, em Maio, para a Pingo Doce.

A marca Meo baixa para a segunda posição das mais referidas por estes indivíduos, enquanto o Continente sobe um lugar para terceiro.

A Galp entra, pela primeira vez este ano, para o top 5, em quarto. O BES baixa uma posição, fechando a lista das cinco marcas mais recordadas pelos residentes na Grande Lisboa e no Grande Porto.

placeholder

Esta análise tem como base o Publivaga, um estudo regular da Marktest que permite conhecer a recordação e a memorização da publicidade das marcas, sendo um instrumento de referência na medição da eficiência das campanhas publicitárias. A informação apresentada nesta análise tem por base o universo constituído pelos indivíduos com idades compreendidas entre os 8 e os 64 anos residentes nas regiões da Grande Lisboa e do Grande Porto. Consulte-nos para mais informações sobre este assunto.

Arquivo de notícias

Em Agenda ver mais
  • The Art & Science of Inovation

    16 a 18 de junho de 2024

    ESOMAR

    Chicago, EUA

    events@esomar.org

  • 30 anos CNPD

    A Comissão Nacional de Proteção de Dados (CNPD) realiza uma conferência internacional, integrada nas comemoraçãoes do seu 30º aniversário.

    24 de junho de 2024

    Comissão Nacional de Proteção de Dados

    Sala do Senado, Assembleia da República, Lisboa

    geral@cnpd.pt