Brinquedos na TV

Principal veículo publicitário para o sector dos brinquedos, os três canais generalistas de TV arrecadaram desde 1 de Janeiro até 8 de Dezembro de 2002 cerca de 20,7 milhões de euros em publicidade destes produtos. São valores a preços de tabela fornecidos pela MediaMonitor.

Ao longo do ano verifica-se um comportamento perfeitamente lógico do investimento publicitário para este tipo de produtos:

  • Os últimos meses do ano são os meses em que há uma explosão de investimentos dos mais variados tipos de brinquedos. Este facto liga-se obviamente à aproximação do Natal, altura mais propícia a um elevado gasto por parte das famílias nestes produtos. Note-se que, apesar de a nossa análise reflectir apenas uma semana de Dezembro, o valor de investimento efectuado apenas nesta semana é cerca de 48% do total investido durante o mês de Novembro, pelo que se prevê um grande aumento de investimento neste mês, destinado às compras de Natal mais tardias.
  • Os primeiros 4 meses do ano (de Janeiro a Abril) são os meses menos procurados pelos anunciantes de brinquedos, o que reflecte os elevados gastos das famílias durante os meses das compras de Natal e a contenção de despesas neste tipo de produtos nos primeiros meses do ano.
  • Os meses que antecedem as férias do verão das crianças (Maio, Junho, Julho) são meses em que se regista um aumento de investimento em Televisão, sendo seguido por um decréscimo durante os meses do Verão propriamente dito (Agosto e Setembro).

Relativamente aos canais em que o investimento publicitário de anunciantes de brinquedos em Televisão foi efectuado, pode-se concluir que durante o ano de 2002 o canal que obteve um maior número de inserções publicitárias foi a SIC, sendo que em alguns meses as inserções totais são repartidas entre a SIC e a TVI. A RTP1 detém uma fatia bastante mais pequena do total das inserções publicitárias, situando-se na maior parte do ano nos 5 ou 6% do total.

Comparando os valores de investimento total efectuado em Televisão em todos os sectores com o investimento total efectuado neste meio pela indústria de brinquedos no período de 1 de Janeiro a 8 de Dezembro de 2002, podemos ver que o investimento em brinquedos representa cerca de 2% do total. Durante este período, houve mais de 689 mil inserções que corresponderam a um investimento de cerca de 1400 milhões de euros; enquanto que, destes, cerca de 20 milhões de euros foram destinados a investimento por parte dos anunciantes de brinquedos.

Nota: Todos os valores apresentados estão expressos a Preços de Tabela

A análise foi feita mensalmente e por canais de 1 de Janeiro a 8 de Dezembro do corrente ano. Os dados foram retirados do software Videotrack da MediaMonitor.

Arquivo de notícias

Em Agenda ver mais