Sector da construção pessimista

O índice de confiança da Construção e Obras Públicas do INE de Junho de 2002 atingiu o valor mais baixo dos últimos 4 anos, revelando assim o pessimismo do sector da construção face à evolução da actividade.

O índice do INE resulta do tratamento do Inquérito de Conjuntura dirigido aos empresários do sector, que fazem a apreciação da actividade e se pronunciam sobre a carteira de encomendas, perspectivas de emprego e de preços.

Em Junho deste ano o índice situa-se no valor mais baixo dos últimos anos, em terreno francamente pessimista.

O índice melhorou no mês seguinte, mas o seu valor é ainda indicativo de um sentimento bastante pessimista dos empresários do sector.

... e licenças para construção baixam em Junho

Também segundo a mesma fonte, o número de licenças concedidas para construção de novas habitações baixou 17% em Junho relativamente ao mês anterior e 8% quando comparado com o mesmo mês do ano transacto.

As obras de novas habitações concluídas registaram igualmente um decréscimo no primeiro trimestre deste ano, baixando 20% em relação ao trimestre anterior. Da mesma forma, o número de novos fogos concluídos no 1º trimestre do ano decresceu 22% face ao último trimestre de 2001.













Arquivo de notícias

Clipping

ver mais

Em Agenda ver mais