1,3 milhões já mudaram de operador móvel

Os dados do Barómetro de Telecomunicações da Marktest mostram que os portugueses são fiéis ao operador de rede móvel, mas mais de um milhão já mudou. O preço é a principal razão de mudança.

Grupo Marktest,  29 novembro 2007

O Barómetro de Telecomunicações contabiliza, no trimestre móvel de Outubro de 2007, 1 304 mil residentes em Portugal com 15 e mais anos que afirmam já ter mudado de operador de rede móvel, um valor que corresponde a 17.2% dos possuidores de telemóvel nesta faixa etária.

Os jovens são os menos fiéis ao operador móvel, pois entre os jovens possuidores de telemóvel dos 15 aos 24 anos, 25.9% diz já tê-lo feito. Entre as regiões, é no Grande Porto que se observa a maior taxa de residentes que dizem já ter mudado de operador (21.6%) e, entre os géneros, são os homens os que se mostram menos fiéis, pois um em cada cinco diz já ter mudado de operador móvel.

Embora a grande maioria dos portugueses, 74.4%, diga nunca ter mudado de operador, os que o fazem são motivados pelo preço, razão apontada por 33.9% deles.

A comunidade de contactos (o facto de familiares ou amigos estarem ligados à nova rede) motiva 30.9% dos que mudam de operador. Esta razão foi tradicionalmente mais apontada até 2005, tendo vindo a perder a primazia a partir de Janeiro de 2006.

Estas duas razões representam 64.8% do total apontado por quem diz já ter mudado de operador. Outras razões, como maior área de cobertura ou decisão da empresa/motivos profissionais recebem menores referências (10.6% e 6.7%, respectivamente).

A análise teve como base indicadores do estudo Barómetro de Telecomunicações da Marktest para o universo composto pelos residentes em Portugal com 15 ou mais anos.Contacte-nos para mais informações sobre este assunto.

Arquivo de notícias

Clipping

ver mais

Em Agenda ver mais