Razões de escolha de operador móvel
Grupo Marktest,  30 dezembro 2004

placeholderDe acordo com os resultados do Barómetro de Telecomunicações da Marktest, a principal razão apontada pelos portugueses entre os 15 e os 64 anos que utilizam telemóvel para a escolha do operador móvel prende-se com o facto das pessoas com quem contactam estarem ligadas a essa rede.

Esta razão é apontada por 35.2% dos inquiridos no Barómetro de Telecomunicações de Setembro de 2004. O factor preço aparece em segundo lugar, com 12.5% dos entrevistados a referirem que o preço mais barato ou o melhor tarifário foi a razão de escolha do operador.

O melhor serviço, cobertura ou o já conher o operador (ter trabalhado já com ele) foram outras das razões mais apontadas, respectivamente por 4.9%, 4.4 e 3.9%. Uma grande diversidade de outras razões são também apontadas neste estudo, embora menos frequentemente.

A menor frequência destas razões reforça o peso que as duas primeiras têm nestas escolhas (especialmente a primeira). A comunidade de contactos e o preço aparecem como factores determinantes na escolha de um operador móvel.

placeholderNuma análise evolutiva, vemos como o facto dos contactos individuais estarem ligados a um operador tem assumido uma importância crescente. Em Setembro de 1999 eram 19.3% dos inquiridos que a referiam e em 2004 contamos 35.2% - mais 82.4% do que então.

Considerando as várias características sócio-demográficas dos que referem as duas principais razões, vemos como para todas elas a comunidade de contactos é a mais importante.

Este factor assume especial relevância junto das mulheres (44.9% delas referem-na, face aos 28.7% dos homens) e dos inquiridos entre os 20 e os 24 anos, pois 47.2% deles apontam-na. Também para os residentes no Sul ela assume maior importância, com 45.4% das referências. Da mesma forma, para os pertencentes às classes sociais alta e média alta ela assume importância superior à média, com 37.8% das respostas deste grupo, tal como para os pertencentes à classe baixa, onde 37.2% dos inquiridos a refere.

placeholder

Quanto ao factor preço, ele assume especial importância junto dos homens (12.8%), dos indivíduos entre os 20 e os 24 anos (21.4%), da região Litoral Norte (17.1%) e dos pertencentes à classe média (15.2%).

placeholder

A análise teve como base indicadores do estudo Barómetro de Telecomunicações da Marktest, para o trimestre móvel de Setembro de 2004. Este estudo é representativo do universo constituído pelos residentes em Portugal em lares com telefone e idades compreendidas entre os 15 e os 64 anos. Contacte-nos para mais informações sobre este assunto.

Notícias da mesma semana

Arquivo de notícias

Clipping

ver mais
Em Agenda ver mais