Marktest lança serviço inovador

Grupo Marktest,  26 outubro 2004

A Marktest está a lançar no mercado um novo serviço sobre hábitos de compras no comércio organizado, designado por MRI- Marktest Retail Index - baseado num painel de lares consumidores. Este novo serviço tem por base um amostra de 3000 lares representativa das famílias de Portugal Continental.

O comércio organizado tem actualmente uma importância muito elevada nas compras das famílias portuguesas. Cerca de 94% dos produtos de consumo corrente para o lar são comprados pelas famílias portuguesas no comércio organizado.

Quando surgiram os painéis de consumo para conhecer as compras das famílias, a metodologia utilizada baseava-se no preenchimento de um diário de compras. Mais tarde, foi introduzida uma nova metodologia baseada na "scanarização" dos produtos comprados, realizada pela dona de casa. Esta metodologia obriga a que a dona de casa scanarize os produtos e escreva o preço de cada um e referencie a loja onde comprou o produto.

A Marktest, há cerca de três anos, iniciou pesquisas sobre uma metodologia inovadora que consiste em recolher os documentos de compra das lojas (os lares enviam-nos apenas as facturas ou talões das lojas onde fizeram as suas compras), os quais são submetidos a um processo de leitura óptica, para reconhecimento e validação do seu conteúdo, na empresa (Marktest) e não no lar que faz parte do painel.

Este novo método implica um trabalho muito menor para as famílias, permite recolher informações muito precisas sobre o local de compra e preços pagos e é totalmente abrangente, permitindo cobrir todo o tipo de produtos à venda nas lojas.

Considerando a diversidade das designações de artigos, que variam de insígnia para insígnia, a Marktest teve necessidade de criar uma base relacional que permite de forma unívoca transformar qualquer tipo de designação literal dos talões/facturas no artigo único a que corresponde. Neste momento, a Marktest assegura uma capacidade de reconhecimento próxima de 100%.

A Marktest está já a desenvolver esforços para que os procedimentos desta nova metodologia sejam auditados e certificados por uma entidade independente, de forma a garantir aos seus clientes a total objectividade e validade da informação produzida.

Este novo serviço constitui, por sua vez, uma vantajosa alternativa em relação aos painéis de retalhistas, os quais, pela sua dependência dos distribuidores, se confrontam hoje com graves problemas de cobertura.

Contacte-nos se pretende mais informações sobre este assunto.

Notícias da mesma semana

Arquivo de notícias

Em Agenda ver mais